Edição do dia 12/11/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Mudanças são anunciadas nas secretarias
GERAL
Dia de visitações, experiências e expectativas no Viva Unisc 2019
GERAL
Solenidade marca aniversário do General Gomes Carneiro
GERAL - Na ocasião também foi comemorada a chegada do III Batalhão ao município
Pequenas atitudes
OPINIÃO
Verrugas Estelares
OPINIÃO
Em defesa da vida
OPINIÃO
CDL aponta 800 vagas temporárias
ECONOMIA - Expectativa é de boas oportunidades de emprego para o período
ACI: Eleição ocorre hoje
GERAL
Vigilância Colaborativa: Lançamento do Programa acontece hoje
GERAL
GREVE: Polícia Civil paralisa nesta quarta-feira
POLÍCIA
Campeonato Municipal inicia no próximo dia 22
ESPORTES
AMO/Unimed VTRP: Atletas brilham pelo estado
ESPORTES
Dois times largam com vitória na estreia da Copa Lisaruth
ESPORTES
Estadual sub 19: Santa Cruz vence fora e fica perto da final
ESPORTES
Regional: São José larga na frente nas semifinais
ESPORTES
Universidade aguarda mais de cinco mil estudantes
GERAL
Bate papo: Doações por incentivos fiscais
ECONOMIA
Comdica realiza 4ª Noite Cultural na Unisc
VARIEDADES - O evento que tem entrada franca visa enaltecer projetos sociais realizados por diversas entidades

Pensar positivo e trabalhar pelo povo sempre

Focando no Esporte - Júlio Mello - 29/05/2014

Para quem conhece este humilde, mas trabalhador, sabe que a minha proposta de vida tem sido esta. Quando iniciamos a labutar pelo Avenida, no início do ano, todos nós tinhamos a certeza de que nada seria fácil em 2014. Fomos capitaneados pelo presidente Jair Eich e por seu filho Guilherme Eich. O primeiro com muita experiência e o segundo, um jovem, mas com muito apetite de acertar e este jornalista com a experiência de vida. Passamos dificuldades, choramos em alguns momentos, passamos por fortes emoções de não classificar no primeiro turno, ficamos desacreditados e em momento algum houve esmorecimento. Pelo contrário, mais força tivemos. Mudamos algumas rotas e fomos coroados com o acesso.
Escrevi em minha coluna no Riovale Jornal de quinta-feira, dia 22 de maio, que o título do segundo turno apenas iria coroar o trabalho bem feito até ali. Para tanto, cito aqui as pessoas que fizeram por merecer: Jair Eich, Carlos Brandt, Guilherme Eich, Ivan Textor, Fabrício, Ramon e esposa Fernanda. Também cabe um muito obrigado aos senhores Hoffman, Claudio, Guido e ao seu Chico Kopp, que sempre acreditaram. À comissão técnica Régis Amarante, André Baratz e Vinícius Silva, que começou o trabalho, e à comissão técnica Tonho Gil e Polaco que terminou o campeonato, o nosso muito obrigado. Ao motorista Márcio, que praticamente esteve em todas as viagens, ao Mulita, Maiquel, Tigre, Luciano, Nascimento, Maurício, Cleiton, João Paulo, Jean, Régis Pires, Marlon, Lui Butega, Jair Câmara, Kátia. Aos torcedores da Mancha Verde e os torcedores em geral, um muito obrigado. Ao grupo de jogadores, o nosso maior agradecimento. Um grupo coeso, propositivo e trabalhador, honrou o nome do Avenida, que é o verdadeiro Clube do Povo.

Aprendemos muito neste ano

Não sou mais nenhum guri e estou mais para coroa do que para qualquer outra coisa. Ou seja, estamos com uma boa experiência de vida. Contudo, aprender com as pessoas mais novas ou de mesma idade não é demérito algum. Foi mais um grupo de jogadores com os quais eu trabalhei durante este primeiro semestre. Com cada um, eu aprendi uma coisa. Com as comissões técnicas, também. Começou com o jovem Régis Amarante e acabou com o vivido Tonho Gil. Os dois com a mesma vontade de vencer. Portanto, como Assessor de Imprensa e tantas outras funções que exerci ao longo deste campeonato, eu só tenho que agradecer pela oportunidade que tive de ter estado ao lado do esporte e vivenciando cada momento desta grande conquista.

Um grupo que queria

Sinceramente falando para os nossos leitores, tenho que dizer que este foi um dos melhores grupos com quem eu já trabalhei. Desde o começo, a gente via que realmente todos eles tinham um objetivo. Trabalharam forte na pré-temporada e fizeram por merecer. Suaram muito sob o calor de 40 graus, um sol escaldante de matar. Mesmo assim, ninguém esmoreceu. Todo aquele trabalho ajudou bastante para o meio e fim da Divisão de Acesso.

Contratações pontuais

Ainda bem que este ano não foi realizada nenhuma contratação por indicação de empresário ou “amigo” do clube. A direção teve a inteligência de fazer as coisas pontuais, ou seja, contratar onde realmente tem necessidade. Essa talvez tenha sido a maior virtude desta direção. Não basta ter um número grande de jogadores e não ter qualidade. Principalmente quando se tem alguns que não querem as coisas, complicam, como no ano passado. Este ano aconteceu justamente o contrário. Parabéns ao grupo de Guerreiros do Avenida.