Edição do dia 15/11/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

CTG Tiarayu é o grande campeão do Enart
VARIEDADES - Candeeiro da Amizade, de Vera Cruz, venceu a força B
CTG Lanceiros evidencia os direitos da Mulher
VARIEDADES
Inicia mais um Enart
GERAL - A 34ª edição do evento reúne em Santa Cruz do Sul os apaixonados pela cultura gaúcha
ACI: Gabriel Borba é aclamado presidente
GERAL - Ele estará à frente da entidade junto com o vice, César Cechinato, para o biênio 2020-2021
Copa Lisaruth 20 anos tem segunda rodada
ESPORTES
Cestinha Sesi/Unisc disputa o 2º turno das semifinais
ESPORTES
O Avenida ainda não confirmou a sua participação na Divisão de Acesso
ESPORTES
Dia de confirmar classificação
ESPORTES
Regional 2019: Fim de semana tem clássico em Vale do Sol
ESPORTES
Solled Energia ganha o principal prêmio brasileiro do setor
EMPRESARIAL
Secult abre novo prazo para cadastro de entes culturais
VARIEDADES
Marista São Luís é destaque e traz prêmios a Santa Cruz Do Sul
ESPORTES - Somente no Maristão, realizado em Porto Alegre, Colégio conquistou sete premiações
Excelsior: Casa do Cliente foi inaugurada
EMPRESARIAL
Por mês, operação do Rapidinho gera 94 mil advertências
GERAL - Valores ficam pendentes no sistema e precisam ser regularizados pelos usuários
Disputa das finais inicia neste sábado
ESPORTES - Campeões serão conhecidos após jogos de ida e volta nas categorias veterano, feminino e livre
Saúde recebe R$ 150 mil da Câmara
SAÚDE
Mostra do Cerest tem trabalho desenvolvido em Novo Cabrais
GERAL
Palestra debate o Direito sucessório do cônjuge e da união estável
GERAL

Da Capital e do Interior

Hélio Garcia - 27/06/2017

Quem ainda não vivenciou o dilema e tudo que envolve a experiência de morar na capital, ainda vivenciará. Seja com você ou no seio familiar alguém fará a jornada de tentar a vida em Porto Alegre, por ser a capital do Estado e por se entender que ali estão as melhores oportunidades profissionais ou de aprendizado.

Minha experiência foi que vivi até os 22 anos de idade no interior e há 14 anos resido em Porto Alegre. Interessante se olhar pra trás, pelo fato que tudo em que se vive visionando o melhor, sempre lhe trará algo de contribuição para a vida até mesmo nos dissabores e situações adversas que certamente ocorrerão.

Os primeiros seis meses na capital se deseja voltar para o Interior, mas você não voltará por orgulho, afinal disse a todos que iria morar em Porto Alegre e não iria estar de volta em poucos dias. No primeiro ano a gente já começa a se habituar e então a degustar os prazeres da cidade, o que lhe faz esquecer um pouco o interior. No segundo ano e nos demais subsequentes da primeira década, a capital já não assusta mais, aquilo que planejou vai se concretizando ou novos projetos se apresentam e tudo começa a fluir muito rápido, o que lhe faz gostar de morar em Porto Alegre. Se estuda, se faz negócios, quem sabe até se constitui uma família como no meu caso e daí o Interior começa a “bater em sua porta”.

Depois de certo tempo o trânsito já lhe incomoda; o barulho que não sossega; as notícias de insegurança e na pior das hipóteses até o vivenciar da mesma. Tudo isto começa a fazer você repensar na vida do interior e lembrar que lá você encontrava um amigo em cada esquina, que o custo de vida é menor, que você consegue pegar seus filhos na escola todos os dias e que além de realizar tudo isto que disse anteriormente ainda pode jogar futebol. Veja que incrível!

Assim, relato minha experiência para dizer que você até pode sair do interior, mas o interior jamais sairá de ti. Aliás, se seu filho pretende tal experiência, apoie, pois isto será grandioso pessoalmente e profissionalmente a ele, sem medo de errar.

Finalizo com a letra da música “Interioranos” de Mauro Moraes, cantor e compositor este oriundo de Uruguaiana que mora em Porto Alegre:

Foi preciso andar na contramão dos relógios
Foi preciso usar o violão e ser lógico
Encarar a fome, enxugar a tristeza
Transgredir o ódio, escapulir da inveja
Engolir a dor na solidão da conversa
Num cantinho de Porto Alegre mora
Nossa saudade interiorana!

HÉLIO DA COSTA GARCIA JUNIOR
Advogado
[email protected]