Edição do dia 20/09/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Havan é inaugurada em Santa Cruz
GERAL - Filial santa-cruzense abriu pela primeira vez na manhã de hoje
Feriado em Santa Cruz do Sul
GERAL - Saiba como funcionarão os principais serviços nesta sexta-feira, 20
Livro Dois meninos será lançado em Santa Cruz
VARIEDADES
JTI promove a língua inglesa entre colaboradores
GERAL
Equipes da Afubra realizam avaliações nas lavouras atingidas
GERAL
100 anos Sicredi VRP: Solenidade marca os 100 anos
ESPECIAIS
100 anos Sicredi VRP: Programação intensa durante todo o ano
ESPECIAIS
Dia do Contador: A saúde financeira do seu negócio depende dele
ESPECIAIS - Conheça um pouco mais sobre a profissão do contador e sua data comemorativa
Mensagem pelo Dia do Contador
ESPECIAIS - Rugard Kanitz - presidente do Sincotec VARP
Dia do Contador: Conheça os vencedores da 6ª edição do Concurso de Redação Tributação e Cidadania
ESPECIAIS
Preservação da cultura alemã no traje oficial
VARIEDADES
As donas das flores
GERAL - O trabalho delas é cultivar a natureza que enfeita a cidade
Shopping Santa Cruz recebe convidadas para bate-papo
GERAL - Quatro mulheres estarão à frente do evento de troca de experiências
Irmãos de Axé visitam Terreiro de Candomblé na Bahia
GERAL
Galo tem jogos importantes no final de semana
ESPORTES
Copa CFC Celso abre decisão em Linha Santa Cruz
ESPORTES
Assaf encara a Assoeva no Ginásio da Unisc neste sábado
ESPORTES
SCS Skate Contest: um incentivo ao esporte
ESPORTES

Em memória do estadista

Osvino Toillier - 14/07/2017

Assisti no sábado à cerimônia de sepultamento do Chanceler Helmut Kohl, da Alemanha, em cerimônia na Catedral de Speyer, com participação de líderes mundiais, em homenagem ao grande líder que conduziu o complexo momento da reunificação das duas Alemanhas.

Sinto-me um pouco testemunha ocular da história, porquanto fui hóspede oficial também da Alemanha Comunista, e vivi as tensões que precederam a queda do Muro de Berlim em 1989, pelo que se ouvia dos dois lados e dos desdobramentos que precederam esse acontecimento histórico em outros países da então Cortina de Ferro.

Para quem se lembra dos tensos momentos da queda do Muro e da Cortina de Ferro e, especialmente, da reunificação das duas Alemanhas, há de reconhecer a importância do momento histórico para a humanidade, que superou com estes acontecimentos do período tenso da Guerra Fria, que nos aproximou perigosamente de um conflito nuclear.

É difícil dizer o que teria não fosse a figura exponencial de Helmut Kohl, que soube fazer alianças, superar ressentimentos e construir pontes inimagináveis anteriormente, como, por exemplo, receber líder da Alemanha Oriental como chefe de estado, vencer a resistência do líder francês e começar a lançar as bases para a aproximação de inimigos históricos.

Foi um resgate histórico à altura da figura maiúscula de Helmut Kohl, o líder europeu que recebeu justa homenagem pelas lideranças mundiais, que escreveu seu nome no panteão dos grandes heróis.

Todo o cerimonial foi tocante, com a presença de altas autoridades mundiais, além de milhares de pessoas que foram reverenciar o líder que consumou um capítulo de história e ajudou a construir uma ponte sobre tempos de intolerância e a tragédia de uma guerra que ceifou milhões de vidas.