Edição do dia 20/09/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Feriado em Santa Cruz do Sul
GERAL - Saiba como funcionarão os principais serviços nesta sexta-feira, 20
Livro Dois meninos será lançado em Santa Cruz
VARIEDADES
JTI promove a língua inglesa entre colaboradores
GERAL
Equipes da Afubra realizam avaliações nas lavouras atingidas
GERAL
100 anos Sicredi VRP: Solenidade marca os 100 anos
ESPECIAIS
100 anos Sicredi VRP: Programação intensa durante todo o ano
ESPECIAIS
Dia do Contador: A saúde financeira do seu negócio depende dele
ESPECIAIS - Conheça um pouco mais sobre a profissão do contador e sua data comemorativa
Mensagem pelo Dia do Contador
ESPECIAIS - Rugard Kanitz - presidente do Sincotec VARP
Dia do Contador: Conheça os vencedores da 6ª edição do Concurso de Redação Tributação e Cidadania
ESPECIAIS
Preservação da cultura alemã no traje oficial
VARIEDADES
As donas das flores
GERAL - O trabalho delas é cultivar a natureza que enfeita a cidade
Shopping Santa Cruz recebe convidadas para bate-papo
GERAL - Quatro mulheres estarão à frente do evento de troca de experiências
Irmãos de Axé visitam Terreiro de Candomblé na Bahia
GERAL
Galo tem jogos importantes no final de semana
ESPORTES
Copa CFC Celso abre decisão em Linha Santa Cruz
ESPORTES
Assaf encara a Assoeva no Ginásio da Unisc neste sábado
ESPORTES
SCS Skate Contest: um incentivo ao esporte
ESPORTES
Gelson Conte substitui China Balbino no Avenida
ESPORTES

Oportunidade para adotar

Plano Geral - 30/09/2017

Oportunidade para adotar

Nesse sábado, dia 30 de setembro, o Canil Municipal e a Ong Protetores de Santa Cruz estarão realizando mais uma edição de Feira de Adoção. Entre as 13h30 e às 17h30, a comunidade terá a oportunidade de conhecer, no próprio Canil, os 55 animais (vermifugados, microchipados, vacinados e esterilizados) disponíveis e que estão à espera de um lar, uma família e de carinho. Interessados em adotar um mascote precisam levar comprovante de residência, documento de identidade e ter, no mínimo 18 anos. Quem não puder adotar, porém, pode ir até o local e participar de uma mateada que acontecerá paralelamente à feira. Doar um pouco de tempo e amor aos animais também é uma forma de ajudar. 

Crédito: Divulgação

Aplicativo do MPT

A ouvidoria do Ministério Público do Trabalho (MPT) lançou um aplicativo para celular com o objetivos de facilitar a comunicação da instituição com cidadãos. A partir de agora, por meio do “Ouvidoria MPT”, a comunidade pode registrar críticas, representações, reclamações, sugestões, elogios e consultas. As demandas serão redirecionadas ao formulário eletrônico da Ouvidoria, que serão analisadas e encaminhadas aos setores responsáveis. Nesse primeiro momento, o aplicativo está disponível apenas para os dispositivos móveis que utilizam o sistema operacional Android. O download pode ser feito gratuitamente na loja virtual Play Store.

Boa causa

Os estudantes da Turma 141 do Colégio Marista São Luís estão dando um exemplo de solidariedade. O grupo idealizou e colocou em prática o projeto Tampinha Feliz, que consiste em arrecadar tampinhas de plástico. Todo o material arrecadado será destinado a um projeto do Hospital Ana Nery que tem por objetivo a arrecadação de fundos por meio de materiais recicláveis. Para auxiliar na divulgação da iniciativa, os estudantes criaram inclusive um jingle e um videoclipe com o auxílio dos professores de música. Eles podem ser assistidos e ouvidos na página do São Luís no Facebook.

Em busca de aprimoramento

Tendo como objetivo conhecer projetos inovadores na área da educação, duas professoras da Escola Educar-se de Santa Cruz do Sul participaram, entre os dias 15 e 29 de setembro, de uma viagem educacional na Europa, promovida pelo Sindicato do Ensino Privado (SINEPE/RS). Na companhia de um grupo de diretores e professores de todo o RS, a coordenadora pedagógica Karen da Costa Sippel e a professora Marisa Costa Mueller visitaram 16 Instituições de Ensino, entre elas: o Colégio de Ensino Médio Liceo Clássico Giuseppe Parini, em Milão; a cidade de Reggio Emilia; a Escola Básica da Ponte, em Porto; a Academia de Música Santa Cecilia em Portugal; dentre outras.

Raios que o partam

Nos últimos seis anos, o Brasil registrou uma média de 77,8 milhões de raios por ano, segundo levantamento do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), divulgado na última quinta-feira, 28 de setembro. Os dados apontam que 2012 foi o ano com maior incidência de raios, registrando 94,3 milhões. Em função desses raios todos, entre 2000 e 2014, foram registradas 1.792 mortes por descargas elétricas, uma média de 120 vítimas anualmente. A maior parte das mortes ocorre na Região Sudeste (28%). Para 2017, a previsão é de uma incidência de raios dentro da média histórica. A estimativa é feita a partir das temperaturas dos oceanos Atlântico e Pacífico.