Edição do dia 12/11/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Mudanças são anunciadas nas secretarias
GERAL
Dia de visitações, experiências e expectativas no Viva Unisc 2019
GERAL
Solenidade marca aniversário do General Gomes Carneiro
GERAL - Na ocasião também foi comemorada a chegada do III Batalhão ao município
Pequenas atitudes
OPINIÃO
Verrugas Estelares
OPINIÃO
Em defesa da vida
OPINIÃO
CDL aponta 800 vagas temporárias
ECONOMIA - Expectativa é de boas oportunidades de emprego para o período
ACI: Eleição ocorre hoje
GERAL
Vigilância Colaborativa: Lançamento do Programa acontece hoje
GERAL
GREVE: Polícia Civil paralisa nesta quarta-feira
POLÍCIA
Campeonato Municipal inicia no próximo dia 22
ESPORTES
AMO/Unimed VTRP: Atletas brilham pelo estado
ESPORTES
Dois times largam com vitória na estreia da Copa Lisaruth
ESPORTES
Estadual sub 19: Santa Cruz vence fora e fica perto da final
ESPORTES
Regional: São José larga na frente nas semifinais
ESPORTES
Universidade aguarda mais de cinco mil estudantes
GERAL
Bate papo: Doações por incentivos fiscais
ECONOMIA
Comdica realiza 4ª Noite Cultural na Unisc
VARIEDADES - O evento que tem entrada franca visa enaltecer projetos sociais realizados por diversas entidades

Um grande feito no esporte

Focando no Esporte - Júlio Mello - 11/10/2017

Sinceramente tenho que escrever que os meninos da Assaf fizeram história realmente em Santa Cruz. Por tudo o que eles passaram nesta temporada que está chegando ao fim, merecem um lugar ao sol. Representaram de forma digna a sua cidade, e, por sinal, são todos moradores de bairros. Incrivelmente o técnico Cléber Pereira, Jorge Heck, Raí do Couto, Rodrigo Lopes e Cezar Decker conseguiram levar uma moçada do bem até onde deu. A equipe era apenas para não cair para a Série Bronze, e eles foram além. Chegaram às quartas-de-final e venderam caro a derrota para o melhor time da competição, o Fortaleza dos Valos. Perdeu, é verdade, por 7x5, mas caiu de pé. Os jovens jogaram de igual com eles, sem apelar para a violência. Este jornalista está orgulhoso de ver que em Santa Cruz tem jogador de futsal e muito competitivo. Tem também um grande treinador. Parabéns para todos que fizeram este time andar sem gastar um real com folha de pagamento. Com certeza vai ficar na história. Jogaram por amor a sua cidade.
 

Este tudo bem, mas o ano que vem?
 
O Projeto Pés no Chão da Assaf demonstrou com todas as forças que Santa Cruz do Sul pode ter um time só com os pratas da casa. Não perde em nada para outras praças de esportes. Tem preparador de goleiro, treinador, preparador físico e ótimos jogadores. Este ano contou com o apoio precioso da Unisc, Farmácia Seis, Restaurante da Aliança, Restaurante da Ginástica e Restaurante da Afubra. Também contou com o apoio da Prefeitura Municipal de Santa Cruz, através da Secretaria de Esportes. Sim, a Prefeitura ajudou não com aporte financeiro, mas auxiliou com ambulância e arbitragens. Todos estes parceiros ajudaram com o que puderam. Contudo, para o ano que vem, precisa ser muito mais. Espero que este trabalho realizado neste ano, com muito amor à cidade em que vivemos, tenha surtido efeito nas nossas lideranças.

Público vibrou com o time na UniscPúblico vibrou com o time na Unisc Crédito: Julio Mello

Um grande goleiro e humilde

Já fiz o elogio pelas redes sociais, mas acho que tenho que fazer aqui também. Falo da grande figura que é o goleiro Charles, da Assaf. Ele começou a temporada como terceiro goleiro e nunca pestanejou. Jamais desistiu de buscar o seu objetivo. No sábado, ele teve a oportunidade pela primeira vez ser o titular pela Série Prata de futsal. Fez grandes defesas e só não fechou com chave de ouro a sua estreia devido à derrota da Assaf, quando faltavam apenas 40 segundos para terminar a partida. Todavia, registro aqui, o ser humano chamado Charles Bueno Prestes, com quem tive um convívio durante estes meses todos de campeonato. Amigo dos amigos, trabalhador e sempre muito educado. Pessoas assim merecem um futuro brilhante. Tenho orgulho de ser seu amigo, goleiro Charles. O verdadeiro homem é aquele que não se esconde em suas fragilidades, e sim o que tenta afastar e diminuir os seus erros. Parabéns, amigo.

Bom público em CandeláriaBom público em Candelária Crédito: Julio Mello

Grande campanha

Conversei na segunda-feira com o técnico Athos Calderaro, outro labutador do nosso esporte. Um cara sempre ligado nas coisas do basquete. Ele comanda a equipe adulta do Tricolor e faz uma campanha brilhante até aqui. No final de semana passado, ganhou os dois jogos que teve em Santa Maria. Parabéns ao Cigha/União Corinthians, que é 100% no Estadual de Basquete.

Outros parabéns

O esporte de Santa Cruz está em alta mesmo. Futsal nas quartas-de-final, basquete é 100% no Estadual e o nosso Galinho está classificado para as oitavas-de-final do Estadual Juvenil. Pega o Real de Capão da Canoa no final de semana que vem. Ou seja, muito esporte para nós que trabalhamos nesta área. E olha que tem ainda a Lifasc, Copa Cidade e o nosso Regional.
 

Falando em Regional

Os cruzamentos são fortes na próxima fase. O Senai vai cruzar com o América. Este jogo vai dar o que falar. Também Sinimbu x Esperança e Saraiva x Boa Vontade. Apenas o Olarias caiu fora. Esta segunda fase vai dar o que falar. Ninguém quer perder, e as decisões serão em dois jogos.
 

Bom público

Nesta primeira fase de Regional, eu estive em quase todos os jogos e vi que o público gosta mesmo de futebol. No Arroio Grande, quando o América jogou com o Esperança, tinha bastante gente olhando. Fui até Candelária para ver Olarias e Sinimbu, também da mesma forma. Nos Eucaliptos, nos jogos do Senai, o seu torcedor compareceu. Agora na segunda fase, certamente o número de torcedores deverá aumentar.

Bom público em CandeláriaBom público em Candelária Crédito: Julio Mello

Tem esporte também na Oktoberfest

Nunca fui jogar o tal do Eisstoksport na Oktoberfest. Mas ouvi a minha colega Luana Ciecelski, que ela iria jogar amanhã na Festa da Alegria. São os famosos jogos entre a imprensa regional. Quem sabe vou dar uma olhada, mas não sei nem chegar perto deste jogo. Os bons são os da turma do Sérgio lá da Câmara. Esse, sim, sabe o que faz. Em todo caso, bom jogo aos colegas.