Edição do dia 17/09/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Conselho lança o Polo dos Vales
GERAL
ENTRE QUATRO: Encenação acontece hoje e amanhã
VARIEDADES
RECEITA FEDERAL: Nova sede atenderá a partir de 8 de outubro
GERAL - Além da Delegacia da Receita Federal, a Procuradoria Geral da Fazenda também deve ocupar o espaço
Fentifumo inicia pauta de negociação
GERAL - Primeira reunião com a Federação e os Sindicatos ocorre na próxima quinta-feira
Otelio Drebes realiza palestra a professores
EDUCAÇÃO
Semana do Ministério Público começa hoje
GERAL - Promotores do caso Bernardo Boldrini estarão presentes
Reunião sobre Plantas Biotivas inicia hoje
GERAL
Prefeitura lança Alvará Digital
GERAL - A partir de agora, o documento pode ser feito em poucas horas, sem precisar sair de casa
Educar-se e Centro de Línguas promovem imersão bilíngue
EDUCAÇÃO
Sincotec-Varp realiza capacitação nesta quarta
GERAL
Projeto vai apresentar Santa Cruz e a 35ª Oktoberfest
VARIEDADES - Nos dois sábados da Festa da Alegria, ônibus sairão de Porto Alegre, Caxias do Sul e Santa Maria
Presidente dos Festejos Farroupilhas destaca a importância da cultura gaúcha
VARIEDADES
Tchê Bistrô e Arte: enaltecendo a tradição gaúcha
VARIEDADES
A força buscada nos versos
VARIEDADES
Cavalos passarão por inspeção antes do desfile
VARIEDADES - Além da Guia de Transporte Animal (GTA), será exigida apresentação de comprovantes para verificar as condições de saúde do animal
CTG de Paredão entregará 500kg em doações
VARIEDADES
Segurança Pública será reforçada em 36 municípios
POLÍCIA - Municípios da região receberão um total de aproximadamente R$ 2 milhões
Assaf vai encarar a Assoeva nas quartas de final
ESPORTES

Memórias alheias

Osvino Toillier - 03/11/2017

Nossa vida é um projeto pessoal, único e irrepetível, mas repercute  na memória alheia. Ninguém pode viver nossa vida, mas não conseguimos fechá-la a tal ponto de que seja blindada, sem diálogo com outras pessoas. Na verdade, acontecem diálogos secretos, sem muito alarde, à sombra de grandes árvores, que lançam raízes profundas e que protegem dos grandes embates.

Não sei se é uma boa querer preservar a vida de convívio mais intenso com outras pessoas. Talvez devêssemos nos abster que querer ocupar territórios alheios com nossas opiniões, mas dispor-nos a diálogos despretensiosos, mantendo a chama acesa, sem a pretensão de desencadear grandes labaredas e incendiar territórios alheios.

Talvez fosse suficiente que permitam que acampemos em territórios alheios, onde possamos ocupar algum espaço para demarcar território, para defender nossas ideias, pensamentos e posições.
Qual é nosso desejo em relação aos outros? Talvez que estejamos presentes em memórias alheias. Que alguém já distante lembre-se do nosso sorriso e se sinta acolhido. Que o nosso bem faça bem ao outro. Que sejamos a saudade batendo no peito de uma velha amizade. Que sejamos o amor que alguém nunca esqueceu. Que sejamos um alguém que sorriu na rua, e o desconhecido encantou-se. Que sejamos, hoje e sempre, uma coisa boa que mora dentro de cada um que passou por nós.
Não passamos anonimamente pela vida. Alguém estará olhando para nós, observando nossos gestos, nossas manifestações, observando nossos valores, nosso jeito de ser.

Cada um de nós lembra de pessoas que nos marcaram por algum gesto ou fala em tempos remotos, talvez na própria infância, cujo pensamento nos marcou para sempre. São memórias eternas, que se alojaram em nosso coração e nos acompanharão para o resto de nossa vida.