Edição do dia 12/12/2017

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

AMO é laureada entre os Destaques do Atletismo
ESPORTES - Troféu Faergs foi entregue na Sogipa em Porto Alegre
Unisc oferece 25 opções de cursos de verão
EDUCAÇÃO - As matrículas podem ser feitas até o dia 10 de janeiro de 2018
Unisc e Afubra assinam convênio para cursos de graduação dinâmica
EDUCAÇÃO - Focados no mercado de trabalho, os cursos de graduação dinâmica terão duração de apenas dois anos
Equipes farão mutirão de limpeza no Bairro Schulz na próxima semana
SAÚDE - Motivo do mutirão é o alto risco de infestação do mosquito Aedes Aegypti
Real Madrid confirma vaga na final contra o Grêmio
ESPORTES - Mesmo com dificuldades, Madrid avançou à decisão do Mundial de Clubes
Mais de 170 focos do mosquito da dengue já foram contabilizados
SAÚDE - Número é bem maior do que o de 2016, quando apenas 20 focos foram registrados
Colégio Mauá realiza formatura do Ensino Médio
EDUCAÇÃO - Cerimonia acontece nesta sexta-feira, 15 de dezembro, a partir das 20 horas
A rigidez e a singeleza no mesmo espaço
VARIEDADES - Um escultor, uma artesã e um poeta. Como esses três artistas uniram seus trabalhos e qual o resultado disso?
Orquestra de Câmara Unisc realiza concerto de Natal
VARIEDADES - Esse será o último concerto do grupo em 2017 e contará com repertório popular e suíte natalina
SPC Brasil lança aplicativo de cálculo do bem-estar financeiro
ECONOMIA - Com o app SPC Consumidor, brasileiros podem comparar seus resultados com a média nacional e receber dicas para melhorar a educação financeira
Câmara realiza audiência pública para debate do orçamento
POLÍTICA - Debate acontece nessa quinta-feira, a partir das 9h30
Regiões tradicionalistas elegem coordenadores
GERAL - Na 5ª RT, permanece no cargo Luiz Clóvis Vieira que foi reeleito. Participação feminina será ampliada a partir de 2018
Unisc assina convênio com Sicredi e Prefeitura de Rio Pardo
EDUCAÇÃO - Instituição de ensino oferecerá descontos nas mensalidades dos cursos de graduação dinâmica
Acordo Coletivo possibilita horário especial no comércio
ECONOMIA - Lojas abrem até às 22 horas na próxima semana de acordo com horário proposto pelo Sindilojas
Dia 11 de dezembro, o Dia do Engenheiro (a)
VARIEDADES
Com gol de Everton, Grêmio avança à final do Mundial
ESPORTES - Tricolor venceu o Pachuca na prorrogação e agora aguarda o vencedor de Real Madrid x Al Jazira
Liga Gaúcha: Assoeva vai em busca do título em Erechim
ESPORTES - Partida decisiva acontece nesta quinta-feira. Empate favorece time de Venâncio
Que continue assim...
EDITORIAL - Grêmio estreia no Mundial, atraindo um foco especial para o futebol gaúcho

Rede Globo como alvo de delação

Um Passo a Mais - João Pedro Schmidt - 17/11/2017

O feitiço se voltou contra o feiticeiro. A Rede Globo, que exerceu papel central no golpe que derrubou o governo Dilma, vem utilizando sistematicamente as delações como instrumento político para condenar os delatados antes que sejam julgados. O Jornal Nacional vem sendo o espaço de excelência da divulgação de delações que atingem políticos e governantes. E delação virou sinônimo de julgamento antecipado. 
A Globo conta com a generosa colaboração de setores do Ministério Público Federal e do STF. A dobradinha MP-Globo é um escândalo, que ficará maior se agora houver silêncio da Procuradora Raquel Dodge em relação à delação contra a própria Globo.
O contra-veneno veio do exterior. O FBI norte-americano vem investigando procedimentos obscuros da FIFA e suas afiliadas, como a CBF. Como se sabe, CBF e Globo têm relações íntimas há muito tempo, seja na transmissão dos jogos da Seleção Brasileira, seja de competições nacionais e internacionais de futebol. Na apuração dos fatos, o FBI colocou luz sobre a atuação do empresário argentino Alejandro Burzaco, o qual está acusando a Globo de ter pago gordas propinas a dirigentes do futebol para assegurar a transmissão da Copa Libertadores, da Copa Sulamericana e de Copas do Mundo. O esquema envolveria também outros grupos de mídia, como Fox Sports (EUA), Televisa (México), Media Pro (Espanha), Full Play (Argentina) e Traffic (Brasil).
Então temos uma excelente oportunidade para ver a quem servem de fato os altos escalões do Ministério Público Federal, do Poder Judiciário e da Polícia Federal. Teremos nos próximos dias alguma prisão espetacular de um dirigente da Globo? Haverá alguma invasão da sede da empresa para recolher computadores e arquivos? Alguém será jogado em alguma prisão para que delate outros envolvidos?
É bem provável que pouco aconteça, que a maior parte da sujeira seja varrida para debaixo do tapete, em vista do poderio do maior grupo de comunicação do país. Mas, ninguém controla totalmente o jogo do poder. Dentro do Executivo e do Legislativo há muitas mágoas, e das mágoas sempre podem resultar ações de revanche. Cá pra nós, que tem um gostinho especial saber que “eles” estão  na mira e viraram alvo, ah! tem sim!