Edição do dia 15/02/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Antes de enfrentar o Corinthians, Avenida perde em Ijuí
ESPORTES - Periquito perdeu para o São Luiz neste sábado e, na próxima quarta, tentará façanha pela Copa do Brasil
Santa Cruz goleia por 5 a 0 no primeiro amistoso
ESPORTES - Vitória sobre o Nova Prata ocorreu no Estádio dos Plátanos
Seminário aborda educação e computação
EDUCAÇÃO - Conscientização de entidades do município para a implementação de computação na educação básica foi o foco
Jornada Pedagógica abre o ano letivo
EDUCAÇÃO - Início das aulas para os alunos está marcado para segunda-feira, 18 de fevereiro
Vale admite que monitoramento em Brumadinho não funcionou
GERAL
Solled Energia projeta crescimento de 70%
EMPRESARIAL
Tampinha Legal lança ação para coleta de canudinhos
GERAL
Sala de espera foi inaugurada
SAÚDE - Com 7,5 mil procedimentos por ano, espaço qualifica o atendimento
Horário de verão chega ao fim
GERAL - Relógios devem ser atrasados em uma hora na virada de sábado para domingo
Obras do Complexo Lago Dourado avançam
GERAL - Nova etapa do projeto consiste na duplicação e ampliação da pista no entorno do espelho d
Fabiano Vencato é diretor de eventos do MTG
VARIEDADES
Negociações da Havan se intensificam
GERAL - Após o presidente da empresa solicitar apoio da comunidade nas redes sociais, entidades e instituições se mobilizam
Comandante Regional realiza visita a Prefeitura de Sinimbu
POLÍCIA
Brigada Militar prende indivíduo por Furto em Santa Cruz do Sul
POLÍCIA
KangoozeirasTop participam de rústica em Arvorezinha
ESPORTES - Débora Hesse Machado e Daniela Chagas Leotte representam a equipe no evento
Um sábado para o torcedor do Galo
ESPORTES - Santa Cruz enfrenta o Nova Prata em amistoso no Estádio dos Plátanos
A complexidade da reforma
EDITORIAL - É preciso pensar nas consequências da reforma da Previdência para a classe média e os mais pobres
Sinduscon-RS Vale do Rio Pardo prepara demandas para revisão do Plano Diretor
GERAL - Comissões estão trabalhando para sugerir alterações consideradas importantes para o crescimento do município

Impressões da África do Sul

Osvino Toillier - 18/05/2018

Nosso destino hoje é Cidade do Cabo (que fica a duas horas de voo de Johanesburgo), a ponta do mapa do continente africano, conhecida por abrigar fenômenos geográficos que lembramos dos tempos do Ginásio, quando estudamos as navegações portuguesas que ousaram enfrentar os mares bravios e, no dizer de Camões, “mares nunca dantes navegados”.
Lembram do Cabo das Tormentas,  Cabo da Boa Esperança – Cape of Good Hope – onde Bartolomeu Dias deixou sua marca em 1488, e mais tarde, demarcada por Vasco da Gama, quando descobriu o caminho marítimo das Índias.
Quando chegamos ao parque para escalar o monte onde está o farol do Cabo, almoçamos no restaurante “Dois Oceanos”, de onde se tem vista fantástica para o mar, sinalizando o encontro entre o Atlântico e o Índico, para então iniciar a subida ao pico de onde se vislumbra o cenário do oceano por onde singraram os navios dos intrépidos navegadores portugueses, muitos deles tragados pela fúria marítima.
De volta à Cidade do Cabo, empreendemos a escalada do “Table Montain” – Mesa da Montanha, numa tradução literal. Trata-se de formação rochosa imponente, uma das sete maravilhas naturais do planeta, que é atração da cidade, e cujo topo está a 1.085 metros de altitude, que se pode alcançar através de penosa e perigosa escalada ou pelo bondinho, que em poucos minutos leva ao topo, verdadeiro tablado de pedras gigantescas de onde se vislumbra toda a grande cidade, destacando-se o gigantesco estádio da Copa do Mundo que aqui se realizou em 2010 e a Ilha de Robben, onde Mandela cumpriu 27 anos de prisão.
Além das emoções da plataforma do topo, dois momentos emocionantes são a subida e a descida, vendo-se a imponência da montanha, sendo também escalada por alpinistas, que desafiam o perigo, provocando calafrios que somente são superados quando se alcança a plataforma, de onde parte o teleférico.
Encarar o gigantismo da montanha coloca-nos diante da dimensão de respeito que temos de ter diante dos fenômenos naturais, que precisam ser respeitados e não desafiados.