Edição do dia 17/01/2020

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Costuras e Reformas Suzana Ramos: ateliê comemora quatro anos
GERAL
Resultado financeiro da 35ª Oktoberfest supera R$ 1,6 milhão
GERAL
Contatos feitos via redes sociais são falsos
GERAL - Instituto Consulpam alerta sobre suposta contratação de equipe para trabalhar no concurso da Prefeitura
Atividades na rede municipal são oferecidas no período das férias
GERAL
Distribuição de fraldas em novo endereço
GERAL
Salário mínimo sobe para R$ 1.045
ECONOMIA - Reajuste decorre da inflação mais alta em 2019
Doces que empoderam mulheres e combatem o trabalho infantil
VARIEDADES
Banco de Móveis já contabiliza mais de duas mil doações
GERAL
Pedido de aposentadoria
GERAL - Passados seis meses de espera, segurado pode exigir agilidade na Justiça
Portas Abertas já realizou 11.064 atendimentos
SAÚDE
Saiba como retirar medicamentos na farmácia de Monte Alverne
SAÚDE
Iniciam as obras do posto de saúde sustentável
SAÚDE - Primeira unidade do Brasil começou a tomar forma na última terça-feira
Tarifa adicional de cheque especial não será cobrada
ECONOMIA
Saúde estuda redistribuição de incentivos estaduais para hospitais
SAÚDE
IPE Saúde amplia pagamentos assistenciais para 2020
SAÚDE
Vacina pentavalente já está disponível em Santa Cruz
SAÚDE
Porto Verão Alegre 2020 passa em Santa Cruz do Sul
VARIEDADES
The Wailers volta ao Rio Grande do Sul
VARIEDADES - Após quatro anos desde o último espetáculo, banda jamaicana retorna tocando os maiores sucessos

Sentimento de Culpa na CIA?

Olhar Parcial - Edison Rabuske - 18/05/2018

Na última semana todos os brasileiros foram surpreendidos pela atitude da CIA, Serviço Inteligência Americana, que após 40 anos, confirma a suspeita que muitos brasileiros tinham, que de fato os assassinatos, torturas e desaparecimento de pessoas durante o regime militar eram ordenadas pelos Generais Geisel e Figueiredo, então Presidentes da República.
A grande pergunta que talvez muitos tenham, é por quais razões a CIA, após tantos anos transcorridos traz à tona um documento tão relevante? Será que é sentimento de culpa e arrependimento tardio ou então medo da candidatura do Bolsonaro.
Em primeiro plano cabe dizer que é um absurdo, de que somente agora os brasileiros tomem conhecimento documental das práticas genocidas do período militar, e o pior, que a Lei da Anistia tenha perdoado todos os crimes cometidos pelos agentes do Estado. E o mais chocante, é de que os Estados Unidos tenham arquivos detalhados do período, enquanto aqui no Brasil muitos documentos foram destruídos nos quarteis antes da redemocratização.  
Quanto a publicação do documento, descarto a possibilidade de arrependimento da CIA por seus atos durante o regime, mas guardo para mim de que os Estados Unidos provavelmente tenham mais informações sobre as reais intenções de um eventual Governo Bolsonaro. Não há novidade no fato dos Americanos sempre terem espionado os Países da América do Sul, e tais serviços de espionagem provavelmente tenham informações que o povo brasileiro não tenha, como por exemplo a possibilidade de nova intervenção militar ou algo que o equivalha.
A especulação acima pode parecer estranha, mas, não há motivação que justifique neste momento a publicação de fato tão grave como o que foi revelado, se não houvesse um outro motivo que ainda não foi revelado, e que talvez sequer seja. Outra pergunta, será que o Governo Americano tem medo de novo Governo militar no Brasil, e que apoiou no passado?
Neste contexto, a eleição deste ano será um divisor de águas entre aqueles que acreditam na democracia, com seus defeitos e virtudes e aqueles que justificam a tortura e assassinatos como foram eliminar qualquer forma de oposição ao regime.