Edição do dia 11/12/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Regional 2019: Bom Jesus fica com o título inédito
ESPORTES
Fernando Jr. vence em Interlagos e é campeão da Master
ESPORTES
Copa Lisaruth 20 anos: Dois empates e uma goleada
ESPORTES
Tudo pronto para III Abertura Oficial da Colheita do Tabaco
GERAL - Evento acontece nesta sexta, 13 de dezembro, na propriedade de Jeferson Stertz, em Arroio do Tigre (RS)
Instituto forma jovens em empreendedorismo e gestão rural
GERAL
Ginástica Rítmica é campeã estadual de 2019
ESPORTES - Aluna Alice Silva foi reconhecida como a Ginasta Destaque da GR
Presidente da Câmara Brasil-Portugal reúne-se com Eduardo Leite
GERAL
Funcionalismo quer retirada do Pacote de Leite
GERAL
Câmara aprova ampliação da lei para CCs do Legislativo
GERAL
Projeto Guarda-Costas certifica 64 alunos das escolas Leonel Brizola e Rauber
GERAL
Danton Oestreich na Casa das Artes
VARIEDADES
Centro Cultural 25 de Julho: Natal com arte e cultura germânica
VARIEDADES
Christkindfest: Praça Getúlio Vargas entra no clima de Natal
VARIEDADES
Carreteiro Solidário beneficia 3,4 mil pessoas
GERAL
Café Empresarial: Mercado de ações cresce como opção de investimento
EMPRESARIAL
Concerto de Rock ao Entardecer é hoje
VARIEDADES
Entre bebidas e ideologias, a arte como cabresto espiritual
OPINIÃO
Sejamos a diferença
OPINIÃO

LEITE DE CREME TORRADO

Colher de Pau - Alayde Guimarães Motta - 22/05/2018

Parecido com o creme brûlée, mas com diferenças no preparo e também em alguns ingredientes. Por exemplo, não vai ao forno e é mais rápido a fazer. Esse doce encontramos em Portugal com o nome de Leite de Creme Torrado e na Espanha, como Creme Catalão. 

 

INGREDIENTES
500 ml leite
4 gemas
1 canela em pau
Casca de um limão
70 g de açúcar
20 g de amido de milho 
Açúcar branco para caramelizar

MODO DE PREPARO
Em uma panela, ferva o leite com a canela em pau e a casca do limão. Uma vez fervido, retire do fogo e deixe em infusão. Reserve. Em uma vasilha e com a ajuda do "fouet" (batedor de arame), bata as gemas com o açúcar até a massa clarear e ficar cremosa. Acrescente o amido de milho. Retire a canela em pau e a casca do limão e despeje aos poucos a outra mistura (a do leite), mexendo sempre. Coloque tudo agora na panela, em fogo médio e mexa até que a mistura engrosse bem (cerca de 5 minutos). Despeje o creme diretamente nas formas individuais e refrigere-as por 2 horas (mínimo). Polvilhe cada forma com o açúcar branco (e não o mascavo como é feito o creme brûlée), e caramelize com ajuda de um maçarico culinário. Caso não tenha o maçarico, coloque no forno entre 5 à 10 minutos, na função "grill".
FONTE: https://pt.petitchef.com

DICA DA SEMANA

Ao fazer o creme, preste atenção nessa dica. Existem inúmeras receitas por aí e algumas dizem para jogarmos todo o açúcar no leite, enquanto outras dizem para dividirmos o açúcar entre o leite e as gemas ou para jogarmos todo o açúcar nas gemas. Recomendo sempre jogar metade ou todo o açúcar nas gemas. O motivo é simples: o açúcar evita que a gema talhe quando a incorporamos com o leite quente e permite que nossos cremes atinjam uma temperatura acima de 80°C sem prejudicar sua textura. A gema começa a coagular a 70°C, mas quando adicionamos o açúcar ele retarda esse processo, pois as moléculas do açúcar cercam as moléculas proteícas das gemas, impedindo que elas se entrelacem muito cedo. Portanto nossos cremes conseguem atingir uma temperatura acima de 80°C sem aqueles pedacinhos de gema mal desejados.