Edição do dia 19/11/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Projeto Carinhoso: atração cultural beneficiará a terceira idade
GERAL - Artistas locais levarão arte para casas geriátricas a partir do mês que vem
Samu: Regulação compartilhada deve entrar em operação até o fim do ano
SAÚDE
Campanhas estimulam a Solidariedade
GERAL
Escritora santa-cruzense lança o livro Melodia Perversa
VARIEDADES
Lifasc: Soberania dos visitantes domina
ESPORTES
Municipal Feminino: Muitos gols marcam a rodada
ESPORTES
Santa Cruz luta, mas perde nos pênaltis para o Soledade
ESPORTES
Regional 2019:Trombudo sai na frente nas semifinais
ESPORTES - Nos Aspirantes deu o Formosa contra o Unidos
Amigos do Cinema exibe Tarkovski
VARIEDADES
Associação Pró-Cultura: Vernissage abre última mostra
VARIEDADES
NOVEMBRO ROXO: Exposição dá início às atividades
SAÚDE - Hospital Santa Cruz preparou também palestra e oficina sobre o mês da Prematuridade
Cisvale debate temas expressivos para a região
GERAL
Portal Lunetas e Mercur promovem bate-papo sobre Infâncias
GERAL
Confraria Nativista: Nova diretoria será empossada
GERAL
Comissão Especial da OAB promove eventos para abordar a Reforma da Previdência
GERAL
Vacinação contra o Sarampo: Nova fase começou nesta segunda
SAÚDE
Santa Cruz tem oito escolas paralisadas
EDUCAÇÃO - Em outros sete educandários o atendimento é parcial e em quatro as atividades seguem normalmente
Noite de comemorar o fim do 34º Enart
VARIEDADES - CTG porto-alegrense e Candeeiro de Vera Cruz levaram os principais prêmios

Ideias para compreender o século XXI

Osvino Toillier - 13/07/2018

O Fronteiras do Pensamento – evento que anualmente traz a Porto Alegre grandes nomes da intelectualidade mundial – publicou um livro sobre as ideias de 21 dos pensadores que já desfilaram pelo palco do Fronteiras, sobre as quais vale a pena se debruçar para entender nosso tempo.
Um deles é o criador dos Tempos Líquidos, Zigmunt Bauman, falecido no ano passado, e que faz leitura perfeita das mudanças que nossa sociedade registra e nos ajudam a compreender o mundo de hoje, como perda de valores.
Bauman afirma: “Para cada ser humano há um mundo perfeito especialmente feito para ele ou para ela”.
Quem já leu alguma coisa do autor, lembra que foi exilado de sua pátria  - a Polônia - pelo comunismo em 1968. Ele foi morar em Londres, criando então o conceito de “modernidade líquida, debruçando-se sobre os “relacionamentos fugazes das redes sociais, numa época em que é tão fácil fazer amizades quanto desfazê-las, sem traumas nem dor”.
Somos desafiados permanentemente a fazer escolhas, diante de realidade que está em permanente mudança, sem ter certeza de nada. O território nos deixou órfãos, regras e padrões que balizaram a vida no passado despareceram, e nada surgiu para substituí-las. Não é de se admirar que os jovens estejam perdidos, entregando-se a opções que colocam em risco a própria vida.
A ideia de felicidade – objetivo de todos nós – é um conceito em reconstrução permanente, semelhante a quem retornou depois da guerra, encontrou a casa arrasada e não encontrou ninguém da família. Estamos diante de um vazio existencial. Precisamos de ajuda e apoio. Somos órfãos de nossas utopias.