Edição do dia 21/06/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Série Ouro de Futsal: Assaf perde primeira como mandante
ESPORTES - Tricolor jogou em Vale Verde e foi derrotado por 5x3
Copa Cidade Miller define os playoffs
ESPORTES - Competição encerrou a fase classificatória
Aliança goleia São José e cresce na Copa CFC Celso
ESPORTES - Mobilização é pela realização da primeira etapa da Olimpíada Rural, no próximo domingo
Troca de mensagens: Sergio Moro adia ida à Câmara
POLÍTICA - Ministro viajou para os Estados Unidos no último fim de semana e não comparecerá à audiência pública
Seleção feminina cai na prorrogação diante da França
ESPORTES - Brasil foi eliminado nas oitavas de final da Copa do Mundo
Avenida perde nos pênaltis e está fora da Série D
ESPORTES - Caxias classificou-se dentro dos Eucaliptos com vitória nas penalidades por 6 a 5
Brasil goleia Peru e jogará quartas de final na Arena do Grêmio
ESPORTES - Time brasileiro ficou com o primeiro lugar do Grupo A da Copa América
Copa Cidade tem três jogos no final de semana
ESPORTES - Rodada conta com os últimos confrontos da fase classificatória
Patinação: Copa XLise e Festival 25 anos movimentam Poliesportivo
ESPORTES - Evento ocorre neste sábado e movimenta patinadores de todo o Estado
Mais de 10 mil peças para aquecer os cabraisenses
GERAL - Distribuição das roupas arrecadadas ocorreu nesta terça-feira (18) para centenas de famílias moradoras de Novo Cabrais
Lixo eletrônico será recolhido na terça
GERAL - Mutirão da prefeitura vai passar por todas as localidades para coletar os materiais e dar o destino correto aos mesmos
Ipiranga leva a livre e Associação conquista o veterano
ESPORTES - Novo Cabrais conheceu os campeões do municipal de futebol sete, na última sexta-feira, no Centro Desportivo Municipal
Bela Vista e Flamengo jogam nesta sexta
ESPORTES
Copa Feminina: Brasil pega a França
ESPORTES
Série Ouro: Assaf faz parceria e vai jogar em Vale Verde
ESPORTES
Copa América: Diante do Peru, tentativa de reação
ESPORTES - Seleção Brasileira passa por fase de incertezas. Em 1989, time superou dificuldades
São Martinho é campeão em Monte Alverne
ESPORTES
Série D do Brasileiro: Avenida precisa de vitória simples
ESPORTES - Torcida deverá lotar o Estádio dos Eucaliptos, domingo, às 16h, contra o Caxias, valendo classificação

O teste da Democracia Brasileira

Olhar Parcial - Edison Rabuske - 13/07/2018

O ano de 2018 será talvez o mais emblemático da vida democrática do País, eis que estamos frente a uma crise com precedentes já vividos, mas que guarda peculiaridades muito singulares, em razão do momento histórico vivenciado, que por óbvio é singular, tendo no fracionamento social, político, religioso e cultural a atmosfera para a tempestade perfeita, como gostam de falar os sociólogos.
Senão vejamos, no campo religioso, há uma guerra silenciosa entre crenças cristãs de várias vertentes, que além de serem fontes importantes de geração de receitas aos seus proprietários, é inegável sua expansão na política partidária e ocupação de legislativos e executivos, onde pautas neopentecostais estão muito presentes, enquanto temas importantes como aborto, liberdades sexual e pesquisas científicas muitas vezes são tratados como dogmas que muito pouco tem contribuído para a sociedade. 
Já no cenário político, o avanço do caricato Bolsonaro, demonstra por si só a fragilidade do valor da democracia para muitos, pois não é segredo para ninguém minimamente lúcido de que não se constrói uma Pátria com ódio por seus compatriotas, por mais que não se concorde com os opositores. A forma raivosa e violenta muito característica dos afetos a ditaduras ganha espaço em uma sociedade fragmentada, onde o discurso de autoridades dos que se auto intitulam “homens de bem”, atinge seus objetivos ao vender a falsa promessa de porto seguro, onde a truculência é o método para atingir seus fins.
Os meios de comunicação de massa, internet, redes sociais dão vazão a uma miríada de informações desencontradas, onde um viés antiestatal é regra, sendo o processo de venda do patrimônio público visto de forma tão “ingênua e pueril”, como se não houvesse qualquer interesse econômico multinacional envolvido.  A venda do sistema elétrico nacional, de ativos da Petrobrás, os aeroportos lucrativos entregues para multinacionais, a destruição de empresas nacionais importantes sob o argumento de passar o País a limpo, são exemplos de um novo colonialismo que estamos enfrentado, mas não é o objeto de maior debate nacional. 
A fragilidade das figuras políticas importantes, e que deram lugar a judicialização da política e da gestão pública são também efeitos colaterais de nossos tempos, onde os controles institucionais necessários na democracia são aparelhados como organizações justiceiras, sem qualquer compromisso com o Estado/Nação, onde operações policiais/judiciais são deflagradas de forma voluntariosa, que causam enormes prejuízos a setores produtivos, como por exemplo a “operação carne fraca”, que atingiu de forma violenta o setor da carne bovina no exterior.
E nesta complexidade social, estamos caminhando para uma eleição nacional, que foi, e esta sendo gestada sob todos os tormentos acima elencados. Por isto avalio que este é maior teste que a democracia brasileira vai passar, e espero que seja aprovada, pois truculência e ditadura nunca mais.