Edição do dia 22/01/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Avenida empata pela segunda vez no Gauchão
ESPORTES - Periquito cedeu igualdade para o Brasil de Pelotas. Próximo jogo é domingo contra o Caxias, fora
Unisc divulga listão dos aprovados no curso de Medicina
GERAL
Secretaria de Esporte promove 1º Santa Cruz Kangoo Fest
ESPORTES
Seminário Internacional com inscrições abertas
EDUCAÇÃO
Centro de Cultura será revitalizado
VARIEDADES
Estão abertas as inscrições de produções audiovisuais de todo o RS para o 6º CineSerra
VARIEDADES
RS pede a suspensão de reajuste de juízes, promotores e defensores
POLÍTICA - Governador faz reunião de emergência e detalha crise financeira
Desenvolvimento Regional
GERAL - Unisc e Unitau promovem Doutorado Interinstitucional
Processos de cassação do direito de dirigir cresceram em 2018 no RS
GERAL
Denúncias aumentam entre dezembro e março
GERAL - Fiscalização já emitiu mais de 100 notificações sobre terrenos baldios em janeiro
As tensões na agenda
OPINIÃO
A educomunicação, o jornal e a sala de aula
OPINIÃO
Produção e difusão do conhecimento: estratégia propulsora para inovação
OPINIÃO
Dia do Aposentado: Passo a passo, a evolução da Previdência
ESPECIAIS
Apopesc investe para atrair novos associados
ESPECIAIS
Santa Cruz já pode ter cemitérios privados para animais
GERAL - A partir de agora cabe a empresas interessadas abraçar a causa
Gauchão 2019: Avenida recebe o Brasil de Pelotas
ESPORTES - Periquito, que vem de empate na primeira rodada em Veranópolis, enfrenta Xavante hoje à noite, nos Eucaliptos
Crítica à perpetuação no poder
EDITORIAL - O caso da Venezuela evidencia as consequências da ditadura

Educação Urbana

Valério Garcia - 24/08/2018

Escrevemos sobre a educação rural e sua importância para nossas vidas. Evidentemente que tudo aquilo que o campo produz tem que ter um destino, uma finalidade. As grandes cidades e os grandes centros econômicos é que viabilizam toda a produção da zona rural. A importância da urbanização está materializada no progresso das cidades e na tecnologia com seus inegáveis avanços para a coletividade, em todas as áreas, especialmente saúde, educação, comércio e indústria. 
A educação, como mola propulsora para a vida bem sucedida das pessoas, deve estar preocupada com as necessidades da população urbana, com suas diferenças da realidade rural. As crianças estão indo para a escola mais cedo, ou seja, a partir dos 4 anos. Essa obrigação tem seus benefícios e também suas controvérsias. 
A vida na cidade exige muito das famílias, principalmente no tocante ao trabalho com horários preestabelecidos. A atividade laboral não se restringe somente ao homem, e as mulheres estão, cada vez mais, construindo e conquistando seus espaços profissionais. Nesta roda viva da vida como ficam nossas crianças? Por força de trabalho e outras atividades, até educacionais por exemplo, ficam aos cuidados de nossas Escolas de Educação Infantil, carinhosamente chamadas de Creches. Muitas crianças, senão a maioria, ficam mais tempo com suas professoras e/ou atendentes, do que com seus próprios pais. É o preço do progresso e da urbanização. Vários estudos indicam que a criança desenvolve melhor e mais rápido suas potencialidades quando inclusa desde cedo em Creches, onde a socialização é aflorada mais cedo juntamente com hábitos e atitudes voltadas aos valores humanistas e sociais. Não tenhamos dúvidas disso, mas o tempo da família com seus filhos jamais pode ser legado a um segundo plano. O pai e a mãe sempre serão insubstituíveis. A mãe tem uma ligação indescritível e imensurável com seu filho, afinal de contas, o seu corpo foi sua primeira morada e fonte de seu primeiro alimento.
O acompanhamento constante de nossos filhos junto às Escolas é muito importante pois as adversidades da cidade são enormes, se comparadas ao campo. O convívio com outras crianças e famílias é maior, visto que a quantidade de alunos que compõe uma sala de aula urbana é bem superior ao campo. Os conteúdos também precisam ser avaliados pois sendo grande essa diversidade, é importante a contemplação de todos onde seja enfatizado a importância do campo para a cidade e vice-versa. 
A Escola mais importante da vida de nossos filhos e filhas ainda continua sendo e sempre será, o alicerce familiar. A presença ativa da família nas crianças faz uma grande diferença na aprendizagem e sucesso profissional futuro. Devemos estar próximos o mais tempo possível de nossos filhos, antes que alguém ou alguma pessoa do mal o faça. Vida longa à Família e as Escolas da cidade e do campo!
Bom final de semana.