Edição do dia 15/02/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Antes de enfrentar o Corinthians, Avenida perde em Ijuí
ESPORTES - Periquito perdeu para o São Luiz neste sábado e, na próxima quarta, tentará façanha pela Copa do Brasil
Santa Cruz goleia por 5 a 0 no primeiro amistoso
ESPORTES - Vitória sobre o Nova Prata ocorreu no Estádio dos Plátanos
Seminário aborda educação e computação
EDUCAÇÃO - Conscientização de entidades do município para a implementação de computação na educação básica foi o foco
Jornada Pedagógica abre o ano letivo
EDUCAÇÃO - Início das aulas para os alunos está marcado para segunda-feira, 18 de fevereiro
Vale admite que monitoramento em Brumadinho não funcionou
GERAL
Solled Energia projeta crescimento de 70%
EMPRESARIAL
Tampinha Legal lança ação para coleta de canudinhos
GERAL
Sala de espera foi inaugurada
SAÚDE - Com 7,5 mil procedimentos por ano, espaço qualifica o atendimento
Horário de verão chega ao fim
GERAL - Relógios devem ser atrasados em uma hora na virada de sábado para domingo
Obras do Complexo Lago Dourado avançam
GERAL - Nova etapa do projeto consiste na duplicação e ampliação da pista no entorno do espelho d
Fabiano Vencato é diretor de eventos do MTG
VARIEDADES
Negociações da Havan se intensificam
GERAL - Após o presidente da empresa solicitar apoio da comunidade nas redes sociais, entidades e instituições se mobilizam
Comandante Regional realiza visita a Prefeitura de Sinimbu
POLÍCIA
Brigada Militar prende indivíduo por Furto em Santa Cruz do Sul
POLÍCIA
KangoozeirasTop participam de rústica em Arvorezinha
ESPORTES - Débora Hesse Machado e Daniela Chagas Leotte representam a equipe no evento
Um sábado para o torcedor do Galo
ESPORTES - Santa Cruz enfrenta o Nova Prata em amistoso no Estádio dos Plátanos
A complexidade da reforma
EDITORIAL - É preciso pensar nas consequências da reforma da Previdência para a classe média e os mais pobres
Sinduscon-RS Vale do Rio Pardo prepara demandas para revisão do Plano Diretor
GERAL - Comissões estão trabalhando para sugerir alterações consideradas importantes para o crescimento do município

Não foi abafado

De Olho na Informação - Júlio Mello - 24/08/2018

Na coluna passada escrevi que o vereador Hildo Ney Caspary, PP, foi abafado na sua fala pelos funcionários municipais. Contudo, ele me disse que na televisão saiu claramente. Pode até ter ocorrido, mas lá dentro pouco deu para ouvir a sua voz. Já na última segunda-feira, ouvimos um pouco mais. Ao notar que o presidente Bruno Faller, PDT, iria suspender a reunião novamente, Caspary reagiu dizendo que vereador não pode ter medo,  “vereador não nasceu com o chip do medo presidente. Não vamos nos intimidar e não temos medo de nada e nem de ninguém”. Falando claramente aos manifestantes na plateia.

Hildo Ney Caspary,PPHildo Ney Caspary,PP Crédito: Julio Mello

Concurso público?

Em meio às votações para contratações emergenciais requeridas pelo governo municipal, a oposição pediu ao executivo a realização de concurso público para o preenchimento de vagas na Prefeitura.

No apagar das luzes

Um dos mais experientes da Câmara de Vereadores, Carlão do PTB, foi a tribuna para cobrar do executivo uma maior organização no envio de projetos para a casa do povo, “estamos votando projetos que chegaram na semana passada e muitos até na mesma noite. Então entendo que é importante que os projetos sejam enviados para esta casa com antecedência”. Por último afirmou que a Prefeitura sabe quando os contratos estão se encerrando. Portanto, seria bom que o governo tenha esta consciência.

Oposição faz pedido aos funcionários

Demonstrando claramente o desconforto com as vaias aos colegas de situação. Alguns vereadores usaram a tribuna para pedir aos manifestantes que pelo menos as vaias ocorram após a fala dos colegas e não durante. A tentativa, na minha opinião até foi louvável e de certa forma bastante elogiável. Contudo, os funcionários se sentem traídos e automaticamente recusaram o pedido de clemência.

PT tem 24% de preferência

É o que diz a pesquisa de ontem, publicada pelo Data Falha de São Paulo. O PT tem 24% de preferência do eleitorado brasileiro. MDB e PSDB tem apenas 4%. PDT, PSB e PSOL aparecem com 1% da preferência do eleitorado. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. O Datafolha ouviu 8.433 pessoas em 313 cidades brasileiras nos dias 20 e 21 de agosto. O índice de confiança é de 95%. As informações são do Globo.com.

Isso pode

Pagar por até 10 anúncios em jornal ou revista, em tamanho limitado e em datas diversas, desde que informe, na própria publicidade, o valor pago pela inserção.

Não pode

Jogar ou autorizar o derrame de propaganda no local de votação ou nas vias próximas, mesmo na véspera da eleição.
 
Uma linda homenagem

Na última segunda-feira, tive o privilégio de poder conversar com algumas mentes ilustres da nossa cidade. Um pouco antes da nossa Unisc receber uma bela homenagem da Câmara, pelos seus 25 anos de existência. Conversei com a nossa amável reitora, Carmem Lucia Helfer. Também conversei com a lenda Elenor Schneider, com quem tenho uma longa amizade. Outro é o senhor Rafael Frederico Henn, pessoa ilustre e sempre educada com este colunista. Enfim, a nossa Universidade é merecedora desta sessão solene. Na porta da Câmara, música de altíssima qualidade para quem se propôs a ouvir. Eu fui um deles. Parabéns aos nossos queridos músicos.

Músicos na porta da CâmaraMúsicos na porta da Câmara Crédito: Julio Mello

Homenagem para quem merece

Uma sessão solene foi realizada na noite desta segunda-feira, daí 29, na Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Sul, em homenagem aos 25 anos da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc). A proposição foi do vereador Francisco Carlos Smidt (PTB). A mesa de honra foi composta pelo presidente do Poder Legislativo, Bruno César Faller (PDT); vereador Alexander Knak (MDB), secretário da Câmara; Jéferson Dallagnol, representante do Ministério Público; a reitora da Unisc, Carmen Lúcia de Lima Helfer; Jacob Braun, vice-presidente da Apesc. O vereador proponente Francisco Carlos Smidt, em seu pronunciamento, fez um histórico da caminhada da universidade, desde a época de faculdade, dos primeiros cursos, a dificuldade e os méritos ao longo dos 25 anos. Lembrou dos reitores que comandaram a Unisc, Wilson Kniphoff da Cruz, Luiz Augusto Costa a Campis, Vilmar Thomé e Carmen Lucia de Lima Helfer. Segundo a reitora Carmen Lucia de Lima Helfer, a Unisc e a sua mantenedora, a Associação Pró-Ensino Santa Cruz do Sul (Apesc) seguem sua missão que é direcionada para formar profissionais livres e solidários, capazes de enfrentar os desafios da contemporaneidade, e que possam contribuir para o desenvolvimento de uma sociedade sustentável; “Ao longo dos 25 anos, a Unisc seguiu o seu legado. Ela nasceu com a concepção de ser uma mola capaz de impulsionar sonhos e projetos. Ao completar 25 anos, a Unisc é uma universidade consolidada, focada no ensino, na pesquisa e na extensão”, citou. A sessão contou com a presença da Banda do 7º Batalhão de Infantaria Motorizado (BIMTz), que executou canções e os hinos, além de autoridades e diversas personalidades da sociedade.

Unisc recebeu homenagem na CâmaraUnisc recebeu homenagem na Câmara Crédito: Assessoria de imprensa da Câmara