Edição do dia 15/11/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

CTG Lanceiros evidencia os direitos da Mulher
VARIEDADES
Inicia mais um Enart
GERAL - A 34ª edição do evento reúne em Santa Cruz do Sul os apaixonados pela cultura gaúcha
ACI: Gabriel Borba é aclamado presidente
GERAL - Ele estará à frente da entidade junto com o vice, César Cechinato, para o biênio 2020-2021
Copa Lisaruth 20 anos tem segunda rodada
ESPORTES
Cestinha Sesi/Unisc disputa o 2º turno das semifinais
ESPORTES
O Avenida ainda não confirmou a sua participação na Divisão de Acesso
ESPORTES
Dia de confirmar classificação
ESPORTES
Regional 2019: Fim de semana tem clássico em Vale do Sol
ESPORTES
Solled Energia ganha o principal prêmio brasileiro do setor
EMPRESARIAL
Secult abre novo prazo para cadastro de entes culturais
VARIEDADES
Marista São Luís é destaque e traz prêmios a Santa Cruz Do Sul
ESPORTES - Somente no Maristão, realizado em Porto Alegre, Colégio conquistou sete premiações
Excelsior: Casa do Cliente foi inaugurada
EMPRESARIAL
Por mês, operação do Rapidinho gera 94 mil advertências
GERAL - Valores ficam pendentes no sistema e precisam ser regularizados pelos usuários
Disputa das finais inicia neste sábado
ESPORTES - Campeões serão conhecidos após jogos de ida e volta nas categorias veterano, feminino e livre
Saúde recebe R$ 150 mil da Câmara
SAÚDE
Mostra do Cerest tem trabalho desenvolvido em Novo Cabrais
GERAL
Palestra debate o Direito sucessório do cônjuge e da união estável
GERAL
Persuasão interna é o caminho para a alta performance
GERAL

A virtude da humildade

Osvino Toillier - 28/09/2018

Entre as virtudes, certamente se destaca a humildade, porque é o oposto simétrico da vaidade. E é tão difícil encontrá-la, porquanto as pessoas tentam se promover a partir das qualidades que imaginam ter, do sucesso que alcançam, e precisam promover-se constantemente num verdadeiro “self marketing”, quando, na verdade, deveríamos recolher-nos ao silêncio para que nossa obra falasse por nós. 

Meu pai tinha verdadeira ojeriza contra a prática do autoelogio, conduzindo a sua vida pela discrição, até certa timidez, jamais falando dos próprios feitos para colher elogios e reconhecimento dos outros. A virtude é um animal do silêncio, como diz Luiz Felipe Pondé, em brilhante artigo na Folha de São Paulo, afirmando que semelhantes a ela são a discrição, a delicadeza, a elegância e a contenção. E conclui: a busca dessas virtudes é forma de sabedoria e desafio para o século 21.

Sou de opinião que temos de exercitar esta prática no dia a dia para que as pessoas possam inspirar-se em nosso exemplo, em que a humildade possa transformar-se na moldura mais bonita da competência.

Vivemos um tempo de busca intensa pela promoção pessoal, de reconhecimento pelo talento nem sempre tão evidente, mas que se coloca como justificativa das ações defendidas. 

Talvez o grande desafio de cada um de nós seja encontrar a motivação que faça diariamente iniciar a jornada e identificar, como diz Fernando Pessoa, que  “eu tenho uma espécie de dever, de dever sonhar, de sonhar sempre,  pois sendo mais do que um espectador de mim mesmo, eu tenho que ter o melhor espetáculo que posso. E assim construo a ouro e sedas. Em salas supostas, invento palco, cenário para viver o meu sonho.Entre luzes brandas e músicas invisíveis”.