Edição do dia 19/07/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Domingo tem Brique da Praça
GERAL
Unisc forma 16ª turma de Medicina
GERAL
Stock: Nelsinho Piquet corre pela primeira vez em Santa Cruz do Sul
ESPORTES - Piloto da equipe Texaco Full Time Sports terá experiência inédita neste fim de semana na pista gaúcha
Edição de inverno do curso Escola de formação de professores tem início na Unisc
EDUCAÇÃO
Audiência pública debate alterações no Plano Diretor
GERAL
Quatro cidades gaúchas
VARIEDADES - Quarta temporada de 'O professor pelado' tem reestreia repaginada
Domingo tem etapa da 5ª Olimpíada Rural
GERAL - Esse será o primeiro compromisso oficial das 14 candidatas a soberanas da 35ª Oktoberfest
Copa Seu Verardi
ESPORTES - Uma semana de treinos no Avenida
Rodada desta sexta vai apontar os semifinalistas
ESPORTES
Em jogo duas vagas no mata-mata da Copa CFC Celso
ESPORTES
Assaf joga nesta sexta-feira em Santa Maria
ESPORTES - Jogo foi alterado em virtude do Grenal neste sábado
Stock Car: Quinta etapa é neste final de semana
ESPORTES - Serão dois dias de atividades sem a companhia da Stock Light
Renomada professora do Serviço Social estará em Santa Cruz
GERAL
Novo Cabrais: Escola lança livro de receitas saudáveis
EDUCAÇÃO
Novo Cabrais: Pimenta visita obras e reafirma apoio ao município
GERAL - Deputado federal participou de almoço e conferiu de perto a pavimentação da Avenida Rodolfo Buss
Ascor e Prefeitura planejam nova exposição
GERAL
Colégio Mauá assume gestão da Escola Criança & Cia
EDUCAÇÃO
Prefeitura anuncia restauração do prédio
GERAL - Marcando a decisão, muda de árvore também foi plantada por alunos da rede de ensino municipal

A escola numa encruzilhada

Osvino Toillier - 07/12/2018

Eu guardo comigo uma das mais belas e poéticas definições de escola, formuladas pelo inesquecível Rubem Alves: “A missão da escola e do professor é ajudar a descobrir a beleza adormecida em cada ser humano e abrir as avenidas fundamentais dos sonhos”.
Este pensamento que nos leva às alturas, deveria estar escrito na entrada de cada instituição educacional, porque não permitiria que tornasse refém de qualquer ideologia e se apequenasse diante de correntes pedagógicas e políticas.
Isto remete à autonomia, (eu não falei superioridade!) para refletir livremente sobre as diferenças, sempre preservada a identidade. Como eu tenho saudade da escola nosso tempo, em que diferentes correntes de pensamento circulavam! Ouvíamos pelo rádio inflamados discursos de líderes políticos e atravessamos fases turbulentas de nossa história, mas não nos tornamos reféns de ninguém.
Por isto, não gosto da ideia da “escola sem partido”, porque a torna refém de ideologia, que é o contraponto da “escola livre”, em que diferentes correntes de pensamento possam ser abordados, sempre sob a liderança do professor, sem que este faça da cátedra espaço de conversão ideológica.
Querer impedir que a escola faça a análise das correntes ideológicas é um equívoco e um retrocesso. O que não pode é converter o aluno a uma linha de pensamento, torná-lo refém das crenças do professor. O mandamento máximo é a liberdade de cátedra, com a liberdade de o aluno escolher.
Cada escola é espaço sagrado para a formação de consciências, a partir do livre arbítrio do aluno, como foi no nosso tempo. Este pressuposto esteve presente ao longo da minha vida como professor e diretor.