Edição do dia 20/02/2020

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Um dia de diversão
GERAL - O Riovale Jornal em parceria com o Acqua Lokos sorteou ingressos para o parque aquático, confira os ganhadores:
Sambista Jorjão morre em Santa Cruz
GERAL - Jorge foi um apaixonado pelo carnaval da cidade e faleceu em decorrência de um mau súbito, na última terça-feira, 18
Brigada Militar garante segurança no 2º Bailinho da Borges
POLÍCIA
Dada a largada para a pintura do Palacinho
GERAL
Assembleias de Núcleo mostram a importância do cooperativismo para as comunidades
ESPORTES
Direção do Avenida muda horário do amistoso contra o Passo Fundo
ESPORTES - A partida marcada para sábado será realizada às 15 horas
Governo do Estado propõe reajuste do piso regional
ECONOMIA
Comitê elabora Plano de Contingência de combate à dengue
SAÚDE
Unisc abre inscrições para o Uniama
GERAL
Assemp abre edital para pontos de alimentação na 36ª Oktoberfest
GERAL
Consultório de Rua realizou 349 abordagens em oito meses
SAÚDE
Chimarródromos oferecem água quente e gelada
GERAL
Serviços da Prefeitura serão alterados no Carnaval
GERAL
Rapidinho não terá operação no feriado de Carnaval
GERAL
Os paradoxos nos protestos de 2013/2014
EDITORIAL
No Dia Mundial da Religião, precisamos educar para a paz
OPINIÃO
Projeto esquecer livros
OPINIÃO
Sábado
OPINIÃO

Dê livros de presente

A Leitura que Habito - Luana Ciecelski - 11/12/2018

Olá pessoal, como vão vocês?! Pois é, mais um fim de ano chegando, não é mesmo? Eu, particularmente adoro essa época do ano, porque há encontros de família, as pessoas se abraçam mais, há um espírito de carinho e de amor no ar. E aproveitando um pouco esse clima eu venho até aqui hoje pra fazer um apelo. Faltando exatas duas semanas para o Natal eu peço: comprem e deem livros de presentes nesse fim de ano. 
Quem acompanha as redes sociais e algumas outras mídias talvez já tenha percebido que há uma campanha, ainda que um pouco tímida, no sentido de incentivar as pessoas a darem livros. E eu estou aderindo a ela. Na internet, pelo que pude perceber, ela tem como principal objetivo, auxiliar editoras e livrarias a se manterem abertas, porque infelizmente muitas estão fechando suas portas pelo Brasil a fora. Ninguém se salva, nem grandes redes, nem pequenas livrarias, nem livrarias antigas, clássicas e famosas. Todas enfrentam problemas financeiros. E é importante ajudá-las, sim. Mas eu diria que o ato de dar um livro a alguém vai muito além disso.
Primeiro, porque é um incentivo à leitura. Ao dar um livro pra alguém, você dá uma oportunidade de se aproximar da literatura. Sempre acho que se o livro for dado por alguém importante para o presenteado, de uma fora geral, ele irá colocar naquele livro também um valor sentimental. E aí, duvido que não vai ler, mesmo que o presenteado não seja dos leitores mais assíduos. Além disso, ao dar um livro, você estará dando um universo para uma pessoa. Isso não é lindo?
E segundo, porque de uma forma geral não tem erro, não. Eu sempre peço livros nessas datas em que se presenteia e essa sempre foi uma das minhas bandeiras, porque acho que as pessoas - a menos que elas realmente não gostem de ler e não leiam nada - sempre gostam de receber um livro. Então, por que não dá-los, não é mesmo?
Mas antes de encerrar essa coluna, eu preciso dizer ainda uma coisinha. Se você realmente for seguir essa dica, e for presentear uma pessoa querida com livros, considere ainda o seguinte: Santa Cruz tem alguns bons pontos de vendas de livros. Tem a Livraria Campus, tem a Iluminura, tem a livraria Paulo de Tarso, especializada em literatura Espírita, entre outros. Se você for comprar, pense em comprar em algum desses lugares, ok? Ah, só mais uma coisinha (a última, prometo): na Iluminura, há uma prateleira exclusiva dos autores locais. Antes de escolher qual livro você vai dar, dá uma olhada lá. Quem sabe você não encontra o livro perfeito por ali?