Edição do dia 12/11/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Mudanças são anunciadas nas secretarias
GERAL
Dia de visitações, experiências e expectativas no Viva Unisc 2019
GERAL
Solenidade marca aniversário do General Gomes Carneiro
GERAL - Na ocasião também foi comemorada a chegada do III Batalhão ao município
Pequenas atitudes
OPINIÃO
Verrugas Estelares
OPINIÃO
Em defesa da vida
OPINIÃO
CDL aponta 800 vagas temporárias
ECONOMIA - Expectativa é de boas oportunidades de emprego para o período
ACI: Eleição ocorre hoje
GERAL
Vigilância Colaborativa: Lançamento do Programa acontece hoje
GERAL
GREVE: Polícia Civil paralisa nesta quarta-feira
POLÍCIA
Campeonato Municipal inicia no próximo dia 22
ESPORTES
AMO/Unimed VTRP: Atletas brilham pelo estado
ESPORTES
Dois times largam com vitória na estreia da Copa Lisaruth
ESPORTES
Estadual sub 19: Santa Cruz vence fora e fica perto da final
ESPORTES
Regional: São José larga na frente nas semifinais
ESPORTES
Universidade aguarda mais de cinco mil estudantes
GERAL
Bate papo: Doações por incentivos fiscais
ECONOMIA
Comdica realiza 4ª Noite Cultural na Unisc
VARIEDADES - O evento que tem entrada franca visa enaltecer projetos sociais realizados por diversas entidades

Ano Novo: Novas Esperanças

Valério Garcia - 29/12/2018

No Natal, a primeira coisa que nos vem à cabeça são os presentes que vamos compartilhar com nossos familiares e amigos. Presente é sinônimo de hoje, agora, e isto já basta para ser motivo de comemoração. É um sinal que estamos vivendo, convivendo e, de uma forma ou de outra, buscando incessantemente a felicidade. 
Quando o Ano Novo se aproxima, deixamos um pouco de lado o presente e passamos a dar lugar para o sentimento de Esperança. Vislumbramos um ano melhor em todos os aspectos para nossa vida. É próprio do ser humano sempre querer mais e o melhor; geralmente para si, esquecendo um pouco dos outros. Muitas vezes lembramos apenas de pedir, esquecendo-se de agradecer. Como o homem é um ser eternamente insatisfeito, tem a mania de olhar somente para frente, esquecendo-se de olhar para os lados e, quiçá, para trás. 
Não precisaríamos nem assistir os meios de comunicação, que deleitam-se em anunciar e mostrar fatos ruins e tragédias, para constatar quão difícil está o mundo ao nosso redor. É só pegar o nosso carro e dar uma volta nos bairros de nossa cidade em situação de vulnerabilidade social. Vamos ver com nossos próprios olhos, pessoas com problemas que nem acreditamos que possam existir! Parece mentira, mas temos homens e mulheres que passam fome, que não têm onde dormir, que não têm onde morar, mas nem por isso, deixam de ter Esperança..!! E o que eu acho mais importante: são aqueles que mais repartem entre si o pouco que têm. 
Inúmeras vezes participamos de várias campanhas em favor dos nossos irmãos! O que damos? Repartimos? Não. Fornecemos aquilo que não precisamos mais; aquilo que não nos serve, que está sobrando. Isto não é Caridade meus caros amigos. Caridade é compartilhar o que não está sobrando e está acima de “coisas” materiais; pode ser uma palavra, um sorriso, um conselho, enfim, algo que aflore o sentimento do Amor. Estamos carentes de muitos valores dentro da nossa casa. Precisamos olhar um pouco mais para trás. Muito se tem perdido no tempo, devido a correria do presente, devido ao empoderamento do capitalismo em favor da tecnologia. Estamos conversando e convivendo mais com as máquinas do que com nossos semelhantes! Pedimos conselhos aos computadores e celulares, ao invés dos familiares e amigos. Podemos perder tudo, menos nossa esperança e capacidade de sonhar!
Quando estivermos cabisbaixos ou tristes, lembremo-nos do mestre Mário Quintana: “Que eu nunca deixe minha esperança ser abalada por palavras pessimistas”. Saúde, paz e felicidades no Ano que se inicia!