Edição do dia 15/11/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

CTG Lanceiros evidencia os direitos da Mulher
VARIEDADES
Inicia mais um Enart
GERAL - A 34ª edição do evento reúne em Santa Cruz do Sul os apaixonados pela cultura gaúcha
ACI: Gabriel Borba é aclamado presidente
GERAL - Ele estará à frente da entidade junto com o vice, César Cechinato, para o biênio 2020-2021
Copa Lisaruth 20 anos tem segunda rodada
ESPORTES
Cestinha Sesi/Unisc disputa o 2º turno das semifinais
ESPORTES
O Avenida ainda não confirmou a sua participação na Divisão de Acesso
ESPORTES
Dia de confirmar classificação
ESPORTES
Regional 2019: Fim de semana tem clássico em Vale do Sol
ESPORTES
Solled Energia ganha o principal prêmio brasileiro do setor
EMPRESARIAL
Secult abre novo prazo para cadastro de entes culturais
VARIEDADES
Marista São Luís é destaque e traz prêmios a Santa Cruz Do Sul
ESPORTES - Somente no Maristão, realizado em Porto Alegre, Colégio conquistou sete premiações
Excelsior: Casa do Cliente foi inaugurada
EMPRESARIAL
Por mês, operação do Rapidinho gera 94 mil advertências
GERAL - Valores ficam pendentes no sistema e precisam ser regularizados pelos usuários
Disputa das finais inicia neste sábado
ESPORTES - Campeões serão conhecidos após jogos de ida e volta nas categorias veterano, feminino e livre
Saúde recebe R$ 150 mil da Câmara
SAÚDE
Mostra do Cerest tem trabalho desenvolvido em Novo Cabrais
GERAL
Palestra debate o Direito sucessório do cônjuge e da união estável
GERAL
Persuasão interna é o caminho para a alta performance
GERAL

A fantástica história criada por Bruno

A Leitura que Habito - Luana Ciecelski - 05/02/2019

 

Olá amigos, na edição de hoje, a sugestão que eu quero trazer pra vocês é bastante especial. Primeiro porque o autor e a editora que o publicou são santa-cruzenses. Segundo porque o autor é bastante jovem, provavelmente um dos mais jovens escritores que temos na cidade e na região. E terceiro porque o gênero no qual se enquadra o livro, o da literatura fantástica, é bastante inédito também entre as publicações locais. Nós estamos falando sobre o livro Presas e Garras, do Bruno Ledur (saiba mais sobre o autor fazendo uma pesquisa no site do Riovale Jornal). Ele foi lançado na metade de 2018 pela Gramatti Produções Literárias e recentemente eu tive a oportunidade de lê-lo. 
E que livro legal, pessoal! Pra quem (assim como eu) gosta de histórias como Harry Potter, Percy Jackson e Crônicas de Nárnia, pra citar alguns exemplos, esse é um prato cheio no qual alimentar sua imaginação. O personagem principal se chama Andrew Hasewaga, um jovem morador de uma localidade fictícia chamada Cidade de Átila. Ainda na infância ele foi diagnosticado com uma doença rara, porque eventualmente ele tinha alucinações, vendo coisas que ninguém mais via. A verdade, porém, sempre acaba vindo à tona, não é mesmo?
Certo dia quando ele e seus amigos estão percorrendo uma trilha, em uma floresta nos arredores da cidade, um de seus amigos é atacado por um ser estranho e misterioso que só Andrew consegue enxergar. Essa situação desencadeia uma série de outros eventos, que transformam a vida de Andrew e de seus amigos, porque a partir daquele momento, eles descobrem que há muito mais no universo, além daquilo que a maior parte das pessoas podem enxergar. Há criaturas, há um governo para elas, e há, principalmente, um perigo muito grande habitando a tênue linha divisória que separa o mundo que os humanos conhecem, daquele que eles desconhecem. Andrew, portanto, não tinha alucinações. Ele pertence a esse universo, assim como seus antepassados, por mais que seus pais tenham tentado evitar isso.
Na sequência da história, Andrew descobre então um mentor, que vai lhe ajudar a entender esse novo universo, que vai ajudá-lo a treinar os poderes que agora afloram nele, mas que também vai ajudá-lo a enfrentar inúmeros desafios que vão surgir, cada vez com mais intensidade. E a gente vai acompanhar isso tudo. Um aspecto muito interessante desse livro é que ele traz uma mistura de Culturas e Mitologias - Brasileira, Oriental, Europeia - o que é bem diferente. É um livro, portanto, que nos ensina bastante a respeito disso.
Outro aspecto bem bacana é a linguagem utilizada, que é bastante informal, principalmente nos diálogos do livro, o que faz com que nos sintamos bem dentro dessa história mesmo. E há ainda que se registrar que mais do que uma história sobre seres fantásticos e situações incríveis, essa também é uma história sobre amizade, sobre vida e morte, e sobre sentimentos. É o melhor de tudo: o Presas e Garras é só o primeiro volume da trilogia "Crônicas Sobrenaturais". Os demais livros devem ser lançados entre 2019 e 2020. E eu, claro, já estou aguardando ansiosamente. 

Crédito: Divulgação