Edição do dia 13/09/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Solidariedade declara apoio a Telmo
POLÍTICA
Saiba como ter desconto especial no IPTU do ano que vem
GERAL
A Hipnose pode auxiliar no autodesenvolvimento de forma eficaz
EMPRESARIAL - Especialista desmistificou tema e apontou benefícios da técnica no Café Empresarial
Reforma Tributária é tema da apresentação de Rigotto em Santa Cruz
GERAL
Dada a largada para a Semana Farroupilha
GERAL - Abertura aconteceu no Parque de Eventos na manhã desta sexta-feira
Fórum atrai dois secretários de Estado a Santa Cruz do Sul
GERAL - Representantes de todas as 28 regiões estiveram na Unisc nessa quinta-feira
Lino e Laila serão tema do Novo Cemai
GERAL
Aulas de autoescola com ou sem simulador de direção?
GERAL
Sessão especial para o ensino médio
VARIEDADES
Estudante de Santa Cruz conquista certificado de excelência internacional
EDUCAÇÃO
RGE instala aquecedores solares nas residências de 150 famílias
GERAL
Embarques devem superar os US$ 2 bilhões
GERAL
Depressão deve ser tratada no início, afirma especialista
ESPECIAIS - Mulheres sofrem de depressão duas vezes mais do que os homens
Tributo a Herb Alpert é hoje
VARIEDADES - Teatro do Mauá recebe apresentação às 20h
Sociedade Ginástica: Jantar Baile marca comemoração dos 126 anos
EMPRESARIAL
Farmácia Municipal reabre na segunda no novo prédio
SAÚDE
Grupo Tholl traz Casinha de Chocolate
VARIEDADES
18,2 mil exemplares foram vendidos
VARIEDADES - Além do sucesso em vendas, o público também compareceu e lotou a Praça Getúlio Vargas

Muito tempo depois

Osvino Toillier - 08/02/2019

Pilotar  nosso velho Fusca de 1972 – depois de receber tratamento para voltar para a estrada - está sendo  emoção indescritível. Ele faz parte da história da família, porque todos se valeram dele para suas necessidades pessoais ao longo de quase meio século.
Graças a ele, meu pai pode rever a irmã depois de décadas,  em Itapiranga – SC, oportunizando encontro emocionante, depois de cruzar o Rio Uruguai pela balsa; graças a ele, os pais da minha esposa conheceram o mar; graças a ele, os filhos puderam dispor do valoroso veículo para os primeiros compromissos profissionais; graças a ele, minha esposa cursou o curso de Nutrição, na Unisinos, indo todas as noites de Novo Hamburgo a São Leopoldo.
Agora, ele voltou para casa e recebeu um trato para voltar à estrada e recordar as viagens que nos levaram a desbravar os caminhos há quase cinquenta anos, sem nunca reclamar do calor ou falta do ar condicionado.
O velho Fusca certamente vai nos levar a bordo das nossas emoções, andando na velocidade permitida, embora com muito maior tráfego e riscos do que naquele tempo, mas conduzindo-nos pelos caminhos que nos levarão de volta à geografia de onde partimos para o mundo.
Foi num tempo anterior ao advento de carros modernos e potentes, mas o Fusca não se incomoda com isto, porque tem personalidade e se impõe perante o tempo. Que carro com a idade dele – 46 anos! – tem esta vitalidade de poder voltar à estrada como ele?
Depois das viagens com nossos filhos pequenos, chegou a vez de as netas brincarem a bordo no espaço privilegiado atrás do assento traseiro e embarcarem no sonho mágico e ver quem primeiro enxergava o mar... É privilégio que só o Fusca vai permitir!