Edição do dia 18/02/2020

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

RGE na Praça estará em Santa Cruz nesta terça-feira
GERAL
Lixo eletrônico será recolhido nos bairros
GERAL
Avenida já projeta amistoso contra o Passo Fundo
ESPORTES - Treinador quer diminuir os erros visando a estreia em março
Terreiro realiza festa de Yemanjá
RELIGIÃO
Mantenedora do CVV em Santa Cruz necessita de doações
SAÚDE
Quantas famílias são beneficiadas com aluguel social?
GERAL
Projeto também chega ao CRAS Beatriz
GERAL
Inscrições abertas para a oficina de costura
GERAL
Campanha incentiva doação de órgãos
SAÚDE
HSC abre edital para 2ª chamada da residência médica
SAÚDE
Corte a gordura, não corte os músculos
OPINIÃO
O Imposto do pecado (parte 2)
OPINIÃO
A vida é irônica
EDITORIAL
Amigos do Cinema retorna nesta terça-feira
VARIEDADES
Bailinho da Borges reúne 12 mil foliões
GERAL - Realizado no último sábado, 15, grande público marcou presença com fantasias e adereços carnavalescos
Concurso da prefeitura movimenta Santa Cruz
GERAL - Certame gerou grande fluxo de pessoas e focos de congestionamentos na cidade
NPOR incorpora novos alunos
GERAL - Cerimônia foi realizada na manhã de ontem no Pátio Duque de Caxias
Sinprom projeta ano letivo da categoria
EDUCAÇÃO

Desumanização da Humanidade

Valério Garcia - 15/03/2019

O que está acontecendo com o ser dito humano? O que estamos fazendo para que nossa espécie conviva em harmonia com seu semelhante?
Todo ser vivo é reflexo do ambiente em que ele vive ou convive. Somos seres extremamente sociais, por isso vivemos em grupos e estabelecemos relações comportamentais entre aqueles da nossa volta. Devido as nossas funções nos diferentes nichos que ocupamos, é inevitável a influência que exercemos sobre nossos parceiros de convívio. De acordo com nossas profissões, por exemplo, temos cargos e atribuições inerentes aos mesmos. Esse processo é pedagógico e sempre seremos de uma forma ou de outra, referência aos nossos seguidores ou procuraremos referência naqueles que seguimos. Isso é uma etapa do processo educacional do convívio humano.
Escola e família são os alicerces desse processo. E o problema está exatamente nessas instituições ultimamente. A família cada vez mais fragmentada devido a necessidade do trabalho diário para sustento de seus integrantes; distanciamento das pessoas entre si, onde as tecnologias vem tomando o lugar e o afeto entre as pessoas, os computadores estão sendo mais importantes que pais, mães, filhos! Eles estão preferindo a companhia de celulares do que o diálogo; estamos perdendo nossos amigos e familiares para as máquinas.
Como mudar isso? Mudando a nós mesmos! Todos os extremos ou extremistas são perigosos; seja para a esquerda ou para a direita. Retirar direitos e tentar empurrar deveres é antagônico ao processo democrático. Agora uma coisa é certa: jamais devemos empoderar alguém que tenta combater violência com meios mais violentos ainda; é enaltecer o despreparo e ignorância, é preferir e semear o mal ao invés de plantar o bem.
Bom fim de semana.