Edição do dia 12/11/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Mudanças são anunciadas nas secretarias
GERAL
Dia de visitações, experiências e expectativas no Viva Unisc 2019
GERAL
Solenidade marca aniversário do General Gomes Carneiro
GERAL - Na ocasião também foi comemorada a chegada do III Batalhão ao município
Pequenas atitudes
OPINIÃO
Verrugas Estelares
OPINIÃO
Em defesa da vida
OPINIÃO
CDL aponta 800 vagas temporárias
ECONOMIA - Expectativa é de boas oportunidades de emprego para o período
ACI: Eleição ocorre hoje
GERAL
Vigilância Colaborativa: Lançamento do Programa acontece hoje
GERAL
GREVE: Polícia Civil paralisa nesta quarta-feira
POLÍCIA
Campeonato Municipal inicia no próximo dia 22
ESPORTES
AMO/Unimed VTRP: Atletas brilham pelo estado
ESPORTES
Dois times largam com vitória na estreia da Copa Lisaruth
ESPORTES
Estadual sub 19: Santa Cruz vence fora e fica perto da final
ESPORTES
Regional: São José larga na frente nas semifinais
ESPORTES
Universidade aguarda mais de cinco mil estudantes
GERAL
Bate papo: Doações por incentivos fiscais
ECONOMIA
Comdica realiza 4ª Noite Cultural na Unisc
VARIEDADES - O evento que tem entrada franca visa enaltecer projetos sociais realizados por diversas entidades

Violência: Mal Crescente

Valério Garcia - 26/04/2019

A cada dia que passa, mais difícil fica para assistir televisão, ler jornais, escutar rádio ou qualquer outro meio de comunicação. Estamos sempre angustiados e apreensivos devido ao grande número de casos envolvendo as mais variadas formas de violência. Chegamos a questionar certas notícias que escutamos, ao ponto de duvidar que sejam seres humanos os protagonistas de tamanhas aberrações. E o que é pior: os escrúpulos envolvem desde os mais velhos, até as singelas crianças. Sim, o ser dito humano, perdeu totalmente o sentido das palavras sentimento e humanidade! Estamos reféns de nós mesmos. Reféns da nossa espécie.
A Escola é uma das responsáveis para a mediação do conhecimento entre professores e alunos, num elo indivisível com a comunidade escolar. A comunidade precisa, imediatamente, aproximar-se da Escola antes que outras pessoas o façam. A família encontra-se cada vez mais fragmentada e aqueles que vivem às custas da violência, ficam como aves de rapina esperando o momento de atacar. 
Crescemos ouvindo um ditado popular: “A educação se traz de casa, deve vir do berço”. Até que ponto estamos conseguindo educar nossas crianças em casa, principalmente com limites e com exemplos bem sucedidos? Este papel não pode ser transferido somente para a Escola, embora ela pode e deve ajudar, para benefício de seus (nossos) filhos. 
Neste momento, mais do que nunca, estamos precisando de processos que envolvam a humanização. Desde a educação infantil, até o ensino superior, devemos trabalhar valores com nossos alunos. Até o fim de nossas vidas pois, em determinados momentos somos professores, em outros, seremos alunos. A vida é assim: um eterno aprendizado. Valores baseados em cooperação, sinceridade, humildade e sobretudo amabilidade, entre tantos outros, deverão fazer com que as pessoas tornem-se mais fraternas e consequentemente mais humanas. Quem não tem um filho, irmão, ou outro ente querido que mora longe, que viaja e que a gente não descansa enquanto não recebe uma mensagem, um toque ou uma ligação dizendo que chegou bem? Só assim conseguimos dormir sossegados.
Sossego e Paz não estão à venda em balcão algum, mas parecem custar tão caro, pois são muito difíceis de encontrarmos! Mas não percamos a esperança, não percamos a vontade de ver e sentir um mundo melhor, afinal de contas seremos nós os beneficiados. Bom fim de semana.