Edição do dia 14/12/2018

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Assistentes sociais do Hospital Santa Cruz publicam capítulo de livro
SAÚDE
Governanças do APL de Produção de Alimentos e CVT realizam reunião
GERAL - Encontro ocorre na sede do CVT em Rinção Del Rey
Orquestra de Brinquedos se apresenta em Santa Cruz do Sul
VARIEDADES
UNIÃO CORINTHIANS CAMPEÃO GAÚCHO
ESPORTES - Depois de 17 anos, título estadual de basquete volta a Santa Cruz. União Corinthians derrotou o Sojão na final
Colégio Mauá forma 80 estudantes no Ensino Médio nesta sexta-feira
EDUCAÇÃO
Executivo realiza entrega da LOA 2019 à Câmara de Vereadores
GERAL
Unisc forma a 15ª turma de Medicina neste sábado
GERAL - A Unisc realiza neste sábado, 15 de dezembro, no Auditório Central, às 18 horas, a solenidade de formatura 15ª turma do curso de Medicina, que será presidida pela reitora
Acadêmicos da Unisc recebem o Prêmio Honra ao Mérito
GERAL
Prêmio Afubra/Nimeq abre as inscrições
GERAL
Copa do Brasil: Avenida vai enfrentar o campeão brasileiro de 1978
ESPORTES - Adversário do Periquito, na primeira fase, será o Guarani de Campinas
Mulher morre em acidente na RSC 287
POLÍCIA
Supermercados projetam crescimento
ECONOMIA - Expectativa é de aumento entre 5 e 6% nas vendas de Natal e Ano Novo
Prefeitura anuncia investimentos
GERAL - Contratos para construção de duas Emei
Entre Santa Cruz e Pantano Grande
GERAL - MPF ajuíza ação para garantir conservação da BR 471
Audiência Pública vai tratar sobre o fortalecimento do Balcão Ambiental
GERAL - Entidades e lideranças se mobilizam para manter o serviço no município
Conversando sobre a paz e o amor
VARIEDADES - Movimento Você e a Paz ocorre nesta sexta-feira durante a Christkindfest
Uma noite de lançamento cor-de-rosa
VARIEDADES - Santa Cruz foi escolhida para estreia nacional do filme de Jayme Monjardim
Orquestra Rosariense se apresenta na Christkindfest
VARIEDADES - A inciativa foi do músico Veco Marques da banda Nenhum de Nós

Santafolia leva mais de 10 mil pessoas para o desfile

Quatro escolas de samba desfilaram pelo sambódromo empolgando o público presente

GERAL - 03/03/2015

Ana Souza
ana@riovalejornal.com.br

Muita empolgação e samba no pé marcou a 15ª edição do Santafolia. O desfile do carnaval de rua de Santa Cruz do Sul 2015 reuniu no Parque da Oktoberfest, na noite de sábado, 28 de fevereiro, mais de 10 mil pessoas que foram prestigiar as quatro escolas de samba – Acadêmicos do União, Unidos de Santa Cruz, Imperatriz do Sol e Imperadores do Ritmo – que trouxeram para a avenida o colorido de suas fantasias e a alegria típica do carnaval.
A cerimônia de abertura ocorreu a partir das 21h30 com a entrega das chaves da cidade pelo prefeito Telmo Kirst para o Rei Momo Fernando Escouto, acompanhado pela Rainha Joseane Beatriz da Silva e Princesas Larissa Maciel Santos e Marciele Daiane da Silva. 
Em suas palavras o prefeito Telmo Kirst enfatizou o crescimento de público nos desfiles dos últimos anos. “Sempre estaremos apoiando o carnaval de rua em Santa Cruz do Sul, pois é uma festa do povo e traz muita alegria para nossa cidade.” A realização do evento é da Secretaria Municipal de Desenvolvimento, Turismo, Ciência e Tecnologia e da Associação de Entidades Carnavalescas.
O bloco do Centro Municipal de Atendimento à Saúde/Serviço de Assistência Especializada/Centro de Testagem e Aconselhamento (Cemas/SAE/CTA) deu passagem para o desfile das escolas. Os profissionais da saúde distribuíram preservativos e prestaram orientações sobre a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis. Através desta iniciativa, fizeram a conscientização da população para que faça o teste de HIV. A equipe do Cemas entrou na passarela com porta-estandarte e ao som do samba-enredo que, em 2004, levou para a avenida a Escola Grande Rio. O tema foi alusivo às campanhas de prevenção à AIDS. Em seguida a corte do Carnaval recepcionou cada escola. 

Rolf Steinhaus

Prefeito Telmo Kirst fez a entrega das chaves da cidade para o Rei Momo Fernando Escouto

A desenvoltura das escolas

A primeira a entrar na avenida do samba foi a Escola de Samba Acadêmicos do União. Sob presidência de Marceli Fagundes Lopes trouxe o samba enredo Favela! Um Salve à Periferia – letra de Leonardo Schwengber –, traduzido em três carros alegóricos, 200 componentes e oito alas. 
Na comissão de frente, coreografada por Yaundé Narciso e Gilmar Almeida, vinham as lavadeiras, com vestidos coloridos e flores de cetim nos cabelos. Elas representavam uma das primeiras mãos de obra da periferia.
O primeiro carro alegórico da Acadêmicos simbolizava a Guerra de Canudos com o morro e cercado de plantas da caatinga. A música, dança e arte vieram no segundo carro e na terceira alegoria – com a águia, símbolo da escola – uma homanenagem para os bairros santa-cruzenses. Em oito alas a escola mostrou a história e os costumes das periferias, com todas as ações sociais e culturais.

Fotos: Rolf Steinhaus

Acadêmicos do União trouxe para a avenida a cultura das favelas

 

Com o tema Legado de glória, exemplo de vida. Maestro Bendinha, tu és imortal – letra e música de Pedrinho do Cavaco e Luisinho Oliveira –, a Unidos de Santa Cruz foi a segunda a desfilar. Em seu enredo uma linda homenagem para o professor de música santa-cruzense Edemar Bender. Sob presidência de Jorge Alci dos Santos, o Jorjão, a escola trouxe três carros alegóricos, 10 alas e 300 componentes.
As notas musicais se fizeram presentes nas fantasias e nos carros alegórios, mostrando a trajetória do Maestro Bendinha. Passando através de cortinas vermelhas, os bailarinos do Open Extreme Brasil mostraram uma criativa coreografia – assinada por Junior Soares – com violôes, trompetes e saxofones, estes símbolos da vida de Bendinha que também tinha em suas preferências o basquete do Corinthians e do Futebol Clube Santa Cruz.
O carro abre alas trazia o símbolo da escola, o elefante. Nas cores azul e dourado a alegoria era completada por notas musicais. Todas as alas traziam em sua essência a música de Bendinha, sendo uma mescla de arte e movimento. O último carro representou a paixão do maestro pela arte representada pelo 7 Brasas, Supremo, Jatibá, BC7 e Orquestra Imperial. Encerramento o desfile, com muita emoção e alegria, os filhos do saudoso Bendinha, Fernando e Flávio Bender.

Filhos do saudoso Bendinha, Fernando e Flávio, desfilaram na Unidos de Santa Cruz

A Imperatriz do Sol – sob presidência de Luís Roberto Santos de Oliveira, o Dimi – trouxe para o desfile uma homenagem ao jornalista santa-cruzense Paulo Brito. Em seu enredo contou a vida de Brito, desde o início como repórter esportivo até ser apresentador na RBS TV. Com o enredo A Imperatriz do Sol canta a vida de Paulo Brito!, com autoria de Vinícius Brito, a escola veio com 300 integrantes, 13 alas e três carros alegóricos. No samba enredo os bordões conhecidos do homenageado: Feitooo!!!! e Tudo belezinha!
Uma das novidades da Imperatriz para este ano foi o abre alas, sendo desta vez dois leões que vieram em um tripé. O carro com o nome da escola trouxe os anjos que anunciavam o filho da nossa terra. Os demais carros alegóricos simbolizam os programas Jornal do Almoço, Globo Esporte e Chimarrão com Paulo Brito.
No final do desfile, o homenageado, com roupas nos tons branco e vermelho, era só alegria. Junto com Paulo Brito, a família dividia a emoção, o pai Paulo Brito Beckenkamp e as irmãs Valderez e Vanise.

Tudo belezinha no desfile de Paulo Brito na Imperatriz do Sol

Com 250 componentes, oito alas e dois carros alegóricos a Imperadores do Ritmo – sob presidência de Edinei Martins – fechou o desfile 2015 do Santafolia. Trazendo o tema Chico: dos palcos à avenida, os Passos de um artista (de autoria dos compositores Alexandre Belo e Bruno Martins), a escola lembrou o carnavalesco e coreógrafo de Porto Alegre, Chico Passos. Na comissão de frente a ala Passos de Um Artista mostrou o troféu conquistado pela escola de samba Imperatriz Dona Leopoldina.
No segundo carro alegóricos as lembranças dos caminhos feitos pelo homenageado. A escola investiu em um carnaval de fácil leitura tanto para os jurados quanto para o público que se fez presente. No carro que trazia o nome da escola, um trigre com a coroa símbolo da Imperadores.
Um dos destaques foi um grande boneco com uma placa que dizi Vó Chica, Vila Safira, que divertiu o público que aplaudiu com alegria a passagem da Imperadores. 

Imperadores do Ritmo homenageou o carnavalesco Chico Passos

Trabalho conjunto para o sucesso do evento

Entre as autoridades presentes no Santafolia, fizeram seus pronunciamentos o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Ciência e Tecnologia, César Cechinatto e o presidente da Associação de Entidades Carnavalescas, Jorge Alci dos Santos, o Jorjão. “Este ano tivemos um aporte maior para o evento. Investimos em infraestrutura e iluminação para tornar o Santafolia ainda mais marcante para todos. Desde o início do governo estamos fazendo um trabalho para transformar o Carnaval de Santa Cruz do Sul em um evento turístico”, enfatizou Cechinatto.
“Me sinto muito orgulhoso e feliz por tudo. O Santafolia 2015 está sendo maravilhoso. O público se fez presente, a pista está muito bem iluminada e temos uma grande infraestrutura. Agradeço ao trabalho de todos que se empenharam para que o evento fosse brilhante”, destacou Jorjão.

Ana Souza

Jorjão: “O carnaval Santafolia está sendo maravilhoso”

 

Rolf Steinhaus

Público lotou as arquibancadas e vibrou com a passagem das escolas pelo sambódromo

Marcando presença

Em um camarote junto ao sambódromo integrantes da escola de samba de Santa Cruz do Sul, a Império da Zona Norte – que este ano optou por não fazer parte do desfile – vieram torcer pelas demais escolas. “Este ano optamos em não desfilar, pois achamos que o evento deve ser mais bem planejado. Queremos ver o Carnaval de Santa Cruz crescer ainda mais. Não tenho preferência por nenhuma escola, estamos torcendo por todas”, enfatizou a presidente da Império, Marli Câmara.
Com perucas amarelas Barbara Carvalho e Lauren Gonçalves – moradoras do Bairro Santa Vitória de Santa Cruz do Sul – acompanhavam, muito empolgadas o evento. “Sempre prestigiei os desfiles de rua em Santa Cruz. Já desfilei na Império da Zona Norte e hoje estou torcendo pela Acadêmicos do União.”

SEM PRECONCEITO

O desfile das escolas de samba foi marcado por diversos momentos e presenças ilustres. De Cachoeira do Sul e Venâncio Aires estiveram as cortes do Carnaval. E para mostrar que não existe preconceitos, a corte de Venâncio Aires é formada pela pela rainha Amanda Ferreira, 15 anos, e as princesas, Thais Pereira Acosta, 16 anos e Luciana Beatris Silva da Silva, de 40 anos, além do rei momo, Valdir Antônio Ferreira. Na corte de Cachoeira do Sul,  a rainha Camila Garcia Nunes, as princesas Ritieli Nunes e Lavínia Rodrigues, o Rei Momo, Mauro Machado e a representante LGBTs, Nickolle Rocha, além da Mais Bela Negra, Loyara Lopes.

Fotos: Rolf Steinhaus

Integrantes da Escola de Samba Império da Zona Norte não participaram do desfile mas vieram apoiar as demais escolas

 

Barbara e Lauren vieram caracterizadas para assistir o desfile

Vencedora será conhecida na noite desta terça

É com grande expectativa que todos aguardam o nome da grande vencedora do carnaval de rua de Santa Cruz do Sul. Este ano 18 jurados, vindos de Porto Alegre, avaliaram o desempenho das escolas. Divididos em dois camarotes, com 9 jurados em cada. Nove ítens foram avaliados, entre eles: bateria, comissão de frente, samba-enredo, tema, alegorias, mestre-sala e porta-bandeira, harmonia musical, evolução na avenida e fantasias. A campeã será conhecida na noite de hoje, 3, a partir das 20h, no Pavilhão Central do Parque da Oktoberfest.