Edição do dia 22/01/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Avenida empata pela segunda vez no Gauchão
ESPORTES - Periquito cedeu igualdade para o Brasil de Pelotas. Próximo jogo é domingo contra o Caxias, fora
Unisc divulga listão dos aprovados no curso de Medicina
GERAL
Secretaria de Esporte promove 1º Santa Cruz Kangoo Fest
ESPORTES
Seminário Internacional com inscrições abertas
EDUCAÇÃO
Centro de Cultura será revitalizado
VARIEDADES
Estão abertas as inscrições de produções audiovisuais de todo o RS para o 6º CineSerra
VARIEDADES
RS pede a suspensão de reajuste de juízes, promotores e defensores
POLÍTICA - Governador faz reunião de emergência e detalha crise financeira
Desenvolvimento Regional
GERAL - Unisc e Unitau promovem Doutorado Interinstitucional
Processos de cassação do direito de dirigir cresceram em 2018 no RS
GERAL
Denúncias aumentam entre dezembro e março
GERAL - Fiscalização já emitiu mais de 100 notificações sobre terrenos baldios em janeiro
As tensões na agenda
OPINIÃO
A educomunicação, o jornal e a sala de aula
OPINIÃO
Produção e difusão do conhecimento: estratégia propulsora para inovação
OPINIÃO
Dia do Aposentado: Passo a passo, a evolução da Previdência
ESPECIAIS
Apopesc investe para atrair novos associados
ESPECIAIS
Santa Cruz já pode ter cemitérios privados para animais
GERAL - A partir de agora cabe a empresas interessadas abraçar a causa
Gauchão 2019: Avenida recebe o Brasil de Pelotas
ESPORTES - Periquito, que vem de empate na primeira rodada em Veranópolis, enfrenta Xavante hoje à noite, nos Eucaliptos
Crítica à perpetuação no poder
EDITORIAL - O caso da Venezuela evidencia as consequências da ditadura

Santa Cruz recebe a maior franquia de café da Itália

Marca conta com 50 cafeterias espalhadas pelo mundo todo

GERAL - 14/11/2015

Enrico Barbera, proprietário da franquia, esteve em Santa Cruz esta semanaEnrico Barbera, proprietário da franquia, esteve em Santa Cruz esta semana Crédito: Vagner Cerentini
 

VAGNER CERENTINI
vagner@riovalejornal.com.br

Quem não gosta de um bom café? Com certeza ele é um ótimo companheiro nas noites frias de inverno, ao momento em que nos sentamos no sofá para assistir a algum filme, é claro, envolto com um cobertor. Existem diversos tipos e maneiras de se fazer café, o forte, o suave, o cappuccino, o tradicional, o de meia, o expresso e também existem os que preferem tomar sem açúcar. 

Santa Cruz do Sul irá receber em janeiro, uma das maiores franquias de café da Europa. Com 145 anos de tradição, a Café Barbera é a maior franquia de café da Itália. Com cerca de 50 cafeterias espalhadas por todo o mundo, a empresa é reconhecida por 50% na escala global. 

O proprietário, Enrico Barbera, esteve em Santa Cruz pela primeira vez esta semana e deu entrevista ao Riovale Jornal contando um pouco mais sobre sua franquia. “Nossa cafeteria tem muita tradição e qualidade, queremos proporcionar aos santa-cruzenses uma experiência única, com o sabor do café original italiano.”

Ele fala o porquê de ter escolhido Santa Cruz para ser a primeira cidade do estado a receber uma franquia: “Santa cruz é uma cidade muito conservadora, implantar nossa cafeteria aqui será um sucesso, é um local de grandes investidores, a população é de colonização alemã e também tem uma porcentagem de italianos, que favorecem ainda mais a aceitação por parte das pessoas”, comenta. A empresa ainda conta com um sócio local, que também favoreceu para a instalação da cafeteria no município.

Em lajeado já existe uma cafeteria Barbera, mas não é franqueada, e sim uma filial da própria empresa. A de Santa Cruz será a primeira franqueada no Rio Grande do Sul pela marca italiana, onde irá seguir todo o padrão do Café Barbera. 

Segundo Enrico, a empresa pretende expandir as franquias no Rio Grande do sul, e dentro de poucos anos o objetivo é ter cerca de 10 cafeterias no estado. “Provavelmente a próxima cidade a receber uma franquia de nossa cafeteria será Porto Alegre, alguns investidores de lá, já entraram em contato conosco”, diz o proprietário. “Mais tarde, pretendendo expandir a marca em outros estados do sul, como Santa Catarina e Paraná”, acrescenta.

Reprodução de um estabelecimento da franquia Café BarberaReprodução de um estabelecimento da franquia Café Barbera Crédito: Reprodução/cafebarberafranchise

 

História da cafeteria

Barbera conta que a primeira cafeteria foi fundada em 1870, pelo seu bisavô, na Itália. Os anos se passaram e a empresa foi sendo passada de geração para geração, até que chegou a ele, que é a quinta troca de liderança na marca.

Enrico é casado com uma gaúcha, e disse que pretende passar a empresa para seu filho, que já trabalha na empresa. “Ele será o próximo dono do Café Barbera, será responsável por dar seguimento aos negócios da empresa e representará a sexta geração.”