Edição do dia 22/09/2017

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Palestra 'Saúde do cérebro' é destaque no Mês do Alzheimer
GERAL
Verão 2017/2018 terá horário de verão
GERAL - Decisão foi divulgada nessa segunda-feira, 25 de setembro
Professores participam de capacitação para uso da ferramenta Scratch
GERAL - A capacitação será concluída em 2018 e todos os professores receberão certificados
Médico da Clínica de Oncologia Unimed recebe reconhecimento internacional
SAÚDE - Premiação ocorreu no último fim de semana, em São Paulo
Alunos do Sesi visitam a Câmara de Vereadores
GERAL
Você no controle da sua dor!
GERAL - Café Empresarial da ACI acontece no dia 26 de setembro, às 8h, no Auditório da ACI
'Traídos pelo Desejo' será exibido nessa terça-feira
VARIEDADES - A sessão acontecerá no auditório do Sindibancários, a partir das 20 horas
Profissionais e estudantes participam do III Encontro Regional de Tuberculose
GERAL
Forças Armadas montam estrutura na mata para prender criminosos na Rocinha
GERAL - Violência no Rio deixa 26 escolas e creches fechadas e 7 mil alunos sem aula
Brigada Militar identifica pessoas que divulgam blitz em rede social
POLÍCIA - Registro de Ocorrência Policial foi realizado contra uma pessoa que informava ação da BM nesta sexta-feira, 22
Cisvale presta contas de viagem à Coreia do Sul
GERAL - Atividade aconteceu em agosto. Prefeito de Venâncio Aires representou a região e trouxe informações sobre novas tecnologias
Comitê Tributário de Santa Cruz premia vencedores do 4º concurso de redação
GERAL
Oktoberfest 2017 terá o maior esquema de segurança da história
POLÍCIA - Secretaria Estadual de Segurança Pública irá ceder equipamento utilizado na Copa do Mundo para garantir a proteção dos visitantes
Prefeitura revitaliza parada de ônibus em Linha Santa Cruz
GERAL
Estão abertas as inscrições para os Jogos Comerciários Sesc em Santa Cruz do Sul
GERAL - As disputas começam em outubro com as modalidades Futebol 7 e Futsal
Profissionais do volante avaliam Santa Cruz
GERAL - Riovale Jornal ouviu a opinião de taxistas para saber o que há de melhor e de pior no trânsito da área central da cidade
Dia do Contador: Uma rica história marca a profissão
ESPECIAIS - Sem esquecer dos nomes que servem de referência para os novos profissionais, "o contador do futuro" possui um perfil bem definido
Lifasc define dois classificados às quartas-de-final
ESPORTES - Categoria titular tem dois jogos no domingo. Aspirantes começam as quartas-de-final com rodada dupla

Professores da Escola Goiás protestam contra o parcelamento de salários

Apoiados por alunos e familiares, educadores realizaram um abraço simbólico ao prédio do colégio nesta segunda-feira, 11

EDUCAÇÃO - 12/09/2017

Educadores deram as mãos em um abraço simbólico ao prédio do colégio Educadores deram as mãos em um abraço simbólico ao prédio do colégio Crédito: Guilherme Athayde

 

Um abraço simbólico no prédio do colégio, seguido por uma salva de palmas, marcou a manifestação realizada na tarde de segunda-feira, 11, por alunos e professores da Escola Estadual de Educação Básica Estado de Goiás.

A atividade foi um protesto contra o parcelamento do salário dos servidores estaduais realizado pelo governo de José Ivo Sartori (PMDB).

Segundo a professora Ana Paula Giffoni, com o atraso no vencimento os educadores estão escolhendo quais contas irão pagar, tendo que deixar alguns compromissos para trás, e em alguns casos, precisam pegar empréstimos para honrar outros empréstimos já realizados, consequência de 21 meses consecutivos de parcelamento salarial praticado pelo governo gaúcho.

“Estamos pagando juros para o banco, e cada vez aumenta mais. O terrorismo do governador é que as folhas vão se encontrar. Ele não vai terminar um pagamento e já vai ter outro para fazer. Isso é desesperador”, comenta a professora de português da escola. Segundo Ana Paula, existem professores que já estão com dificuldades para pagar a locomoção até o serviço, e o momento é de humilhação, afetando o cenário dentro de aula.

A professora Elenice Botelho ratifica a opinião da colega. Para ela, a motivação dos professores para continuar trabalhando é pelos alunos da escola, que também são vítimas da situação.

“Dessa forma não tem motivação que resista. Os alunos percebem que a gente não tem o mesmo pique. Não tem como não ficar incomodado, por causa das contas que estão vencendo. Ninguém recebe a conta da água ou da luz parcelada, e o governador nos desrespeita porque não nos dá nenhuma atenção. Se sabe de isenções de impostos milionárias para empresas no estado, e são impostos que poderiam pagar a folha, mas ele (Sartori) prefere negociar com as empresas e não com os professores e não dá atenção para a educação”, observa a educadora.

Até agora, os servidores estaduais receberam três parcelas do salário de agosto. No início de setembro foram depositados R$ 350,00. As outras duas parcelas foram de R$ 170, e R$ 280. O 13º salário também é pago fracionado em 12 vezes.

Durante a segunda-feira, 11, diversas manifestações contra o parcelamento de salário dos servidores estaduais ocorreram no Rio Grande do Sul. Pela manhã, cerca de 100 pessoas, entre professores, funcionários e alunos da escola Ernesto Alves, também em Santa Cruz do Sul, se concentraram no ginásio da escola.