Edição do dia 19/06/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Copa CFC Celso tem rodada em Alto Linha Santa Cruz, no domingo
ESPORTES - Líder João Alves encara o Rio Pardinho na primeira partida da tarde
Mundial Unisc de futsal feminino ocorre neste final de semana
ESPORTES
Copa Cidade: Esmeralda vence o Unidos da Villa
ESPORTES - Jogo aconteceu no estádio da Timbaúva, no Arroio Grande
Portaria amplia setores com trabalho permanente no domingo e feriado
GERAL - A portaria está publicada no Diário Oficial desta quarta-feira
Brasil empata com a Venezuela pela Copa América: 0 a 0
ESPORTES - Líder do Grupo A, Canarinho volta a campo sábado (22), contra o Peru
'Joga Pouco, Ajuda Muito' acontece nesta quinta
ESPORTES
Segundona Gaúcha: Presidente do Galo lamenta desclassificação
ESPORTES
Série D do Brasileiro: Avenida segue forte
ESPORTES - Direção espera estádio lotado para decidir vaga no segundo jogo, em casa, contra o Caxias
Computação Desplugada é realidade em escolas públicas de Santa Cruz do Sul
EDUCAÇÃO - Material didático do projeto Computação na Educação foi lançado na tarde desta terça-feira, 18, na Unisc
Ensino das escolas é discutido em todo o país
EDUCAÇÃO
Thiago Porto: enaltecendo a cultura santa-cruzense
VARIEDADES - Com mais de um milhão de visualizações no YouTube músico se prepara para mais um lançamento
Restaurante Mafalda: há 18 anos servindo gastronomia de qualidade
GERAL - O estabelecimento conta com buffet tradicional e buffet para viandas
Oficina de Apoio às Famílias será na próxima terça-feira
GERAL - O Riovale Jornal entrevistou a advogada Dra. Andjanete L. Mess Hashimoto, que explica o procedimento das atividades
Câmara aprova projeto de segurança
GERAL
Mercur chega aos 95 anos com livro publicado
EMPRESARIAL - Curso para inspirar um mundo mais colaborativo também foi disponibilizado
Corpus Christi: Fé e arte para celebrar a data
RELIGIÃO - Celebração inicia às 9 horas com missa na Catedral São João Batista e após procissão segue pelas principais ruas
Quem é contra a reforma da Previdência Social não é contra o Brasil
OPINIÃO
Um novo INSS
OPINIÃO

Reforma Protestante é resgatada

Após 500 anos da realização da Reforma, pastor Douglas Baptista aborda o tema em entrevista para o 'Riovale'

RELIGIÃO - 30/09/2017

Nelson Treglia
nelson@riovalejornal.com.br

Um episódio importante na História da humanidade, a Reforma Protestante completa 500 anos. O assunto será abordado no Seminário Teológico promovido pela Igreja Assembleia de Deus (AD). O evento acontece no sábado e no domingo, em Santa Cruz do Sul.

O pastor Douglas Baptista será uma das presenças destacadas do Seminário Teológico. Em Brasília, ele é presidente do CEC-CGADB (Conselho de Educação e Cultura da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil). Em entrevista para o ‘Riovale Jornal’, o pastor Douglas tratou sobre diversos aspectos que envolvem a Reforma e sua influência nos dias atuais.

Riovale - Quais as principais contribuições da Reforma Protestante para a sociedade global como um todo?
Pastor Douglas - Além da mais relevante de todas as contribuições que foi o despertamento espiritual dos povos, destaco abaixo quatro áreas significativas que modificou a vida em sociedade:

a) Área social: a abolição da escravidão foi o cerne de um dos mais importantes debates ocorridos no protestantismo norte-americano no século 19, que se estendeu para o resto do mundo.
b) Área política: a Reforma estabeleceu as bases para a tolerância religiosa e o conceito moderno de liberdade de consciência e de religião, bem como a premissa do moderno Estado laico (separação / Estado e Igreja).
c) Área econômica: os trabalhadores, na Idade Média eram considerados cristãos de segunda classe. Com o advento da Reforma sustentar a si mesmo e a família por meio do trabalho passou a ser uma dádiva divina que dignifica o homem. Por isso as regiões europeias e o EUA que adotaram o protestantismo logo se tornaram economicamente prósperas.
d) Área educacional: o incentivo para a leitura da Bíblia promovida pela Reforma contribuiu para o combate ao analfabetismo e despertou o interesse pela educação formal. Foi o protestantismo que estruturou a educação por meio da fundação de faculdades, seminários e universidades.

Pastor Douglas Baptista participa do Seminário Teológico em Santa Cruz do SulPastor Douglas Baptista participa do Seminário Teológico em Santa Cruz do Sul Crédito: Divulgação/RJ

Riovale - Como o aspecto familiar foi considerado na Reforma, e que repercussões isto tem na sociedade atual?
Pastor Douglas - A reforma protestante ratificou o modelo familiar do casamento indissolúvel, monogâmico e heterossexual. O modelo assegura à procriação da espécie, a unidade e o planejamento familiar, bem como o respeito mútuo entre os membros da família, a honra devida aos pais, o cuidado na educação dos filhos e a fidelidade conjugal. Na sociedade atual estes valores estão em discussão em virtude do relativismo cultural e da ideologia de gênero. Porém, apesar do patrulhamento ideológico contrário à cultura judaico-cristã, a igreja pentecostal que representa o maior percentual do protestantismo no Brasil, permanece fiel aos princípios idealizados pela Reforma.

Riovale - Dentro da Reforma e de suas influências nos dias atuais, qual é a concepção da mesma em relação a Deus e Jesus Cristo?
Pastor Douglas - Os princípios teológicos da Reforma se referem a Deus por meio das consagradas “cinco solas”. A primeira “Sola Scriptura” – Somente a Escritura - apresenta a Bíblia Sagrada como a única infalível regra de fé e conduta para o cristão. A partir deste pressuposto segue a “Sola Christus” – Somente Cristo – onde o Filho de Deus por meio de sua morte e ressurreição se configura como exclusivo caminho de Salvação e único mediador entre Deus e os homens. As outras solas enfatizam a “graça” (favor imerecido) e a “fé”. Por fim, “Soli Deo Gloria” onde a glória, o louvor e a adoração são devidos somente a Deus. Ele é soberano, autor da vida, fonte da revelação, onipotente, onisciente e onipresente, dentre outros atributos.

Riovale - Nos dias atuais, onde a violência apresenta um crescimento considerável, como os valores da Reforma podem contribuir para que essa violência diminua?
Pastor Douglas - Quanto a esta questão o teólogo Agostinho de Hipona (354 – 430 d.C) advertia que a eventual virtude demonstrada por alguém era algo temporário, falso e aparente. Somente a genuína regeneração faria o homem verdadeiramente virtuoso. Com o advento da Reforma, os protestantes restauraram a ética de Agostinho, isto é, para a transformação da sociedade é necessário abandonar o pecado, o erro e a corrupção, moldar o caráter e viver com integridade fundamentada na essência do cristianismo “amar a Deus e ao próximo”. Se estes valores forem observados, certamente os índices de violência e criminalidade serão reduzidos a irrisórios percentuais.

Riovale - Em relação a valores éticos, tão em falta na sociedade brasileira, a Reforma pode inspirar a população e os homens/mulheres públicos?
Pastor Douglas - Com toda a certeza! Contudo, infelizmente o que assistimos na sociedade é a ética de Aristóteles (384 – 322 a.C.) onde o certo e o errado dependem apenas da utilidade e do bem-estar que as ações do indivíduo podem resultar para si ou para os outros. Em outras palavras, o “bem” e o “mal” são relativizados. Por isso, a mentira, a hipocrisia, o engano e a falsidade são largamente usados para atender o egoísmo e o hedonismo em nossa cultura. Porém, a ética protestante está alicerçada nas Escrituras Sagradas onde a verdade obedece ao dever, independente das consequências que a obediência possa provocar. Foi Cristo quem asseverou: “Conhecereis a verdade, e a verdade vós libertará” (Jo 8.32).


Sobre a Reforma Protestante

*** A Reforma Protestante foi um movimento cristão realizado no século 16 por Martinho Lutero;

*** Lutero publicou suas 95 teses, em 31 de outubro de 1517, na porta da Igreja do Castelo de Wittenberg (Alemanha);

*** Na ocasião, ele protestou contra vários aspectos da doutrina da Igreja Católica Romana. A proposta era fazer uma reforma no catolicismo romano;

*** Com apoio de vários religiosos e governantes europeus, foi provocada uma revolução religiosa;

*** A Reforma Protestante resultou na divisão da Igreja do Ocidente entre os católicos romanos e os protestantes. Originou-se assim o protestantismo.

(Fonte: Wikipédia)


Reforma Protestante é tema de evento

Neste fim de semana, a Igreja Assembleia de Deus (AD) realiza em Santa Cruz do Sul, o Seminário Teológico com o tema “500 anos da Reforma Protestante”. O evento acontece na Nova Sede Regional da Assembleia de Deus (Rua Fernando Abott, 920, Centro).

Participam do seminário o pastor Douglas Baptista, vindo de Brasília, onde é presidente do CEC-CGADB (Conselho de Educação e Cultura da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil), além dos pastores Eliezer Morais (Bento Gonçalves) e Levy Libarino (São Paulo). No domingo, às 18h, haverá culto com preleção do pastor Eliezer Morais e participação do Coral e Orquestra da AD de Santa Cruz do Sul. Este culto é aberto à participação de toda a população.

Informações na Secretaria da AD, pelo fone: (51) 3711-1718 e 99698-5791.