Edição do dia 12/12/2017

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

AMO é laureada entre os Destaques do Atletismo
ESPORTES - Troféu Faergs foi entregue na Sogipa em Porto Alegre
Unisc oferece 25 opções de cursos de verão
EDUCAÇÃO - As matrículas podem ser feitas até o dia 10 de janeiro de 2018
Unisc e Afubra assinam convênio para cursos de graduação dinâmica
EDUCAÇÃO - Focados no mercado de trabalho, os cursos de graduação dinâmica terão duração de apenas dois anos
Equipes farão mutirão de limpeza no Bairro Schulz na próxima semana
SAÚDE - Motivo do mutirão é o alto risco de infestação do mosquito Aedes Aegypti
Real Madrid confirma vaga na final contra o Grêmio
ESPORTES - Mesmo com dificuldades, Madrid avançou à decisão do Mundial de Clubes
Mais de 170 focos do mosquito da dengue já foram contabilizados
SAÚDE - Número é bem maior do que o de 2016, quando apenas 20 focos foram registrados
Colégio Mauá realiza formatura do Ensino Médio
EDUCAÇÃO - Cerimonia acontece nesta sexta-feira, 15 de dezembro, a partir das 20 horas
A rigidez e a singeleza no mesmo espaço
VARIEDADES - Um escultor, uma artesã e um poeta. Como esses três artistas uniram seus trabalhos e qual o resultado disso?
Orquestra de Câmara Unisc realiza concerto de Natal
VARIEDADES - Esse será o último concerto do grupo em 2017 e contará com repertório popular e suíte natalina
SPC Brasil lança aplicativo de cálculo do bem-estar financeiro
ECONOMIA - Com o app SPC Consumidor, brasileiros podem comparar seus resultados com a média nacional e receber dicas para melhorar a educação financeira
Câmara realiza audiência pública para debate do orçamento
POLÍTICA - Debate acontece nessa quinta-feira, a partir das 9h30
Regiões tradicionalistas elegem coordenadores
GERAL - Na 5ª RT, permanece no cargo Luiz Clóvis Vieira que foi reeleito. Participação feminina será ampliada a partir de 2018
Unisc assina convênio com Sicredi e Prefeitura de Rio Pardo
EDUCAÇÃO - Instituição de ensino oferecerá descontos nas mensalidades dos cursos de graduação dinâmica
Acordo Coletivo possibilita horário especial no comércio
ECONOMIA - Lojas abrem até às 22 horas na próxima semana de acordo com horário proposto pelo Sindilojas
Dia 11 de dezembro, o Dia do Engenheiro (a)
VARIEDADES
Com gol de Everton, Grêmio avança à final do Mundial
ESPORTES - Tricolor venceu o Pachuca na prorrogação e agora aguarda o vencedor de Real Madrid x Al Jazira
Liga Gaúcha: Assoeva vai em busca do título em Erechim
ESPORTES - Partida decisiva acontece nesta quinta-feira. Empate favorece time de Venâncio
Que continue assim...
EDITORIAL - Grêmio estreia no Mundial, atraindo um foco especial para o futebol gaúcho

CTG Lanceiros de Santa Cruz é o terceiro grupo do Bloco 5

Grupo traz a história nos trilhos de Santa Cruz

VARIEDADES - 18/11/2017

 

O CTG Lanceiros de Santa Cruz se apresenta na noite deste sábado, 18 de novembro, por volta das 21h. A história contada pela invernada será a do Ramal Ferroviário Ramiz Galvão. A entidade também representa Santa Cruz do Sul na modalidade Danças Tradicionais Força A. Confira a apresentação ao vivo na fan page do Riovale Jornal. 

Coreografia de Entrada – ‘Nos trilhos da história’ – a necessidade de encurtar distância fez com que, na segunda metade do século XIX, o Rio Grande do Sul importasse uma das mais importantes tecnologias resultantes da Revolução Industrial: as ferrovias. Em 1874, a estradaa de ferro, que ia de Porto Alegre a São Leopoldo, inaugurou a malha ferroviária gaúcha, cujo principal objetivo era agilizar o transporte de pessoas e mercadorias, com foco no desenvolvimento do Estado. Assim, uma ferrovia – o tronco ferroviário Porto Alegre – Uruguaiana – atravessou praticamente todo o território gaúcho e, ainda, possibilitou uma ligação, com o Estado de São Paulo. Em 1883, por meio de um ramal, ela chega a Rio Pardo, um dos mais antigos municípios do Rio Grande do Sul. Mais de duas décadas depois da inauguração da passagem da linha de trem pela cidade histórica, foi a vez da colônia alemã de Santa Cruz entrar na rota do desenvolvimento.
Foi o ramal ferroviário Ramiz Galvão, que oportunizou avanço econômico, urbano e cultural ao povoado de origem alemã. No entanto, desde antes da implantação da ferrovia em Rio Pardo, líderes santa-cruzenses sonhavam com uma linha para despachar a produção da região. Foi somente em 1904 que, em Porto Alegre, um contrato com 32 cláusulas autorizou o início da construção do ramal ferroviário que ligaria Rio Pardo à então Vila de Santa Cruz. A obra ficou sob responsabilidade de uma empresa belga. Assim que o último trilho foi colocado, em setembro de 1905, um trem de teste chegou à vila e foi motivo de festa para o povo santa-cruzense. O tráfego ferroviário se tornou regular em 15 de novembro daquele ano, mas a inauguração oficial foi realizada no dia 19 de novembro. Na ocasião, o presidente do estado, Borges de Medeiros, elevou Santa Cruz à categoria de cidade. A linha que ligava a Estação Férrea de Santa Cruz do Sul à de Ramiz Galvão tinha 31 quilômetros e durou de 1905 a 1965. 

 

Coreografia de saída – ‘Estação de Lembranças’ – cinquenta e sete anos depois do encerramento das atividades de transporte na Estação Férrea de Santa Cruz do Sul, o espaço representa uma época de desenvolvimento para o município. Localizado no centro da cidade, o prédio da antiga estação se tornou referência em cultura e preservação da história – é um local de encontro entre o passado, o presente e o futuro. Contudo, nem sempre foi assim. Logo que a locomotiva deixou de chegar a Santa Cruz, a área foi condenada ao abandono. Em 1970, o prédio foi comprado pela administração municipal. Desde então, abriga o Centro de Cultura Jornalista Francisco José Frantz. Em 2015, o então secretário municipal de Educação e Cultura, Nasário Bohnen, intermediou a vinda de dois vagões de locomotivas desativadas para comporem o cenário da antiga estação férrea.
Os antigos meios de transporte, a partir do segundo semestre deste ano, passaram a ser espaço de diversão. Crianças estão participando de sessões de cinema dentro da locomotiva. Trata-se do Cine Vagão, um projeto da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Cultura e Turismo, realizado semanalmente, às quintas-feiras à tarde.  Esse encontro entre a tecnologia do passado e atual, tendo como público as crianças, mostra que a história continua preservada deixando espaço para os avanços que ainda estão por vir. Assim, a estação férrea serve para lembrar que a vida segue em frente e, a cada dia, um novo futuro desembarca nos braços de Santa Cruz.