Edição do dia 20/02/2020

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Saiba o que é o Telefone Popular, plano de tarifação reduzida para famílias de baixa renda
GERAL
Um dia de diversão
GERAL - O Riovale Jornal em parceria com o Acqua Lokos sorteou ingressos para o parque aquático, confira os ganhadores:
Sambista Jorjão morre em Santa Cruz
GERAL - Jorge foi um apaixonado pelo carnaval da cidade e faleceu em decorrência de um mau súbito, na última terça-feira, 18
Brigada Militar garante segurança no 2º Bailinho da Borges
POLÍCIA
Dada a largada para a pintura do Palacinho
GERAL
Assembleias de Núcleo mostram a importância do cooperativismo para as comunidades
ESPORTES
Direção do Avenida muda horário do amistoso contra o Passo Fundo
ESPORTES - A partida marcada para sábado será realizada às 15 horas
Governo do Estado propõe reajuste do piso regional
ECONOMIA
Comitê elabora Plano de Contingência de combate à dengue
SAÚDE
Unisc abre inscrições para o Uniama
GERAL
Assemp abre edital para pontos de alimentação na 36ª Oktoberfest
GERAL
Consultório de Rua realizou 349 abordagens em oito meses
SAÚDE
Chimarródromos oferecem água quente e gelada
GERAL
Serviços da Prefeitura serão alterados no Carnaval
GERAL
Rapidinho não terá operação no feriado de Carnaval
GERAL
Os paradoxos nos protestos de 2013/2014
EDITORIAL
No Dia Mundial da Religião, precisamos educar para a paz
OPINIÃO
Projeto esquecer livros
OPINIÃO

Lula desiste de viajar para encontrar-se com familiares

Dias Toffoli havia liberado o ex-presidente devido ao falecimento de seu irmão

POLÍTICA - 30/01/2019

Crédito: Agência Brasil

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que está preso em Curitiba (PR), decidiu não viajar a São Bernardo do Campo (SP), mesmo após ser liberado pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli.

Nesta quarta-feira, 30 de janeiro, Lula foi liberado para encontrar-se com familiares após a morte do seu irmão Genival Inácio da Silva, o Vavá.

Na decisão, Toffoli assegurava a possibilidade de que o corpo de Vavá, fosse deslocado para uma unidade militar do ABC paulista, onde Lula poderia comparecer. Porém, Vavá foi sepultado minutos depois, às 13 horas.

“O presidente Lula gostaria de participar do enterro e se despedir do seu querido irmão. É claro que ele também quer se encontrar com a família, mas para isso vai ter outra oportunidade”, explicou o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto.

(Com informações do jornal ‘O Estado de São Paulo’)