Edição do dia 19/06/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Copa CFC Celso tem rodada em Alto Linha Santa Cruz, no domingo
ESPORTES - Líder João Alves encara o Rio Pardinho na primeira partida da tarde
Mundial Unisc de futsal feminino ocorre neste final de semana
ESPORTES
Copa Cidade: Esmeralda vence o Unidos da Villa
ESPORTES - Jogo aconteceu no estádio da Timbaúva, no Arroio Grande
Portaria amplia setores com trabalho permanente no domingo e feriado
GERAL - A portaria está publicada no Diário Oficial desta quarta-feira
Brasil empata com a Venezuela pela Copa América: 0 a 0
ESPORTES - Líder do Grupo A, Canarinho volta a campo sábado (22), contra o Peru
'Joga Pouco, Ajuda Muito' acontece nesta quinta
ESPORTES
Segundona Gaúcha: Presidente do Galo lamenta desclassificação
ESPORTES
Série D do Brasileiro: Avenida segue forte
ESPORTES - Direção espera estádio lotado para decidir vaga no segundo jogo, em casa, contra o Caxias
Computação Desplugada é realidade em escolas públicas de Santa Cruz do Sul
EDUCAÇÃO - Material didático do projeto Computação na Educação foi lançado na tarde desta terça-feira, 18, na Unisc
Ensino das escolas é discutido em todo o país
EDUCAÇÃO
Thiago Porto: enaltecendo a cultura santa-cruzense
VARIEDADES - Com mais de um milhão de visualizações no YouTube músico se prepara para mais um lançamento
Restaurante Mafalda: há 18 anos servindo gastronomia de qualidade
GERAL - O estabelecimento conta com buffet tradicional e buffet para viandas
Oficina de Apoio às Famílias será na próxima terça-feira
GERAL - O Riovale Jornal entrevistou a advogada Dra. Andjanete L. Mess Hashimoto, que explica o procedimento das atividades
Câmara aprova projeto de segurança
GERAL
Mercur chega aos 95 anos com livro publicado
EMPRESARIAL - Curso para inspirar um mundo mais colaborativo também foi disponibilizado
Corpus Christi: Fé e arte para celebrar a data
RELIGIÃO - Celebração inicia às 9 horas com missa na Catedral São João Batista e após procissão segue pelas principais ruas
Quem é contra a reforma da Previdência Social não é contra o Brasil
OPINIÃO
Um novo INSS
OPINIÃO

Mundo mais justo é possível

Imposto rigoroso para as pessoas mais ricas em termos globais, poderia reduzir os efeitos da desigualdade no planeta

EDITORIAL - 05/02/2019

A Oxfam, entidade que combate a pobreza em mais de 90 países, informou recentemente uma realidade que é muito preocupante. Segundo a organização, “as 26 pessoas bilionárias mais ricas possuem o mesmo em bens que as 3,8 bilhões de pessoas que fazem parte da metade mais pobre da população do planeta” (fonte: portal Carta Maior). A Oxfam defende a criação de um imposto para a população 1% mais rica. Isso permitiria arrecadar 418 bilhões de dólares por ano. O valor resolveria o problema da educação para todas as crianças que não frequentam a escola. Esse dinheiro que seria criado pelo imposto, permitiria também a implementação de serviços de saúde que evitariam 3 milhões de mortes.

Entre 1980 e 2016, a metade mais pobre da população mundial ganhou 12 centavos para cada dólar do crescimento de rendimento global. Já a população 1% mais rica ganhou 27 centavos de cada dólar.

De fato, um imposto rigoroso para as pessoas mais ricas em termos globais, poderia reduzir os efeitos da desigualdade no planeta. Os números levantados pela Oxfam são claros e objetivos; portanto, é bem nítido que a educação e a saúde dos mais pobres poderiam ser melhoradas com a arrecadação desse imposto.

Estamos diante de uma questão que precisa ser melhor trabalhada no meio político internacional. O Brasil, através de seus governantes, deveria se somar às discussões em torno do assunto. Precisamos de um mundo em que exista maior justiça social, embora a igualdade, dentro do cenário em que nos encontramos, seja impossível.  Mas podemos ter um mundo mais justo. É preciso sensibilidade para melhorar a situação.