Edição do dia 25/06/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Integrante da comitiva de Bolsonaro é preso na Espanha
POLÍCIA - Militar portava 39kg de cocaína na viagem rumo ao Japão
Empresários estão otimistas com relação à queda da inadimplência em 2019
ECONOMIA - Em Santa Cruz do Sul, o índice tem se mantido nos primeiros meses do ano e segue mais baixo em comparação ao restante do Brasil
Câmara aprova contratações de servidores
GERAL
Invernadas mirins dos CTGs Lanceiros e Rincão da Alegria conquistam bons resultados no Enart
VARIEDADES
Um em cada cinco brasileiros afirma dirigir usando o celular
GERAL
Semana Ufológica passa por Santa Cruz
GERAL - Evento itinerante que envolve cinco cidades do Rio Grande do Sul acontece nesta terça no município
Adolescência é tema de seminário ampliado
GERAL - Participaram do evento representantes de parceiros da educação e assistência social nos municípios
Empresas de Santa Cruz do Sul participam da Exposuper Acats em SC
GERAL
Mês romântico no Riovale Jornal
GERAL - Em parceria com empresas santa-cruzenses diversos prêmios foram sorteados na página do Facebook
Corede/VRP faz renovação da Assembleia nesta terça
GERAL - Encontro para a definição dos novos integrantes ocorre no dia 25 de junho, na sala 101 da Unisc
Unimed VTRP recebe startups de diversos cantos do Brasil
GERAL - Evento acontece na próxima quarta-feira, 26, em Lajeado
Teia de Saberes 2019 contempla terceira idade
GERAL
Pesquisa avalia transformações da vida no campo
GERAL - Resultados de estudo realizado com famílias que plantam tabaco em Vale do Sol gerou livro
Viagem Segura de Corpus Christi fiscaliza 37,4 mil veículos no RS
GERAL
Encontro debate a Lei Geral de proteção de Dados
GERAL
CPERS: Encontro Regional é na quinta
GERAL
Assembleia Geral Ordinária acontece na quarta
GERAL
Santa Cruz registra 100 notificações de dengue
SAÚDE

Passagem de ônibus chega a R$4,25

A tarifa teve um aumento de 3,75% em Santa Cruz e entra em vigor nesta quinta, 28

ECONOMIA - 26/02/2019

Prefeito Telmo Kirst homologou o valor na última quinta-feiraPrefeito Telmo Kirst homologou o valor na última quinta-feira Crédito: Viviane Fetzer

Rosibel Fagundes
rosibel@riovalejornal.com.br

As passagens do transporte coletivo de Santa Cruz voltarão a subir a partir desta quinta-feira, 28. O reajuste, que altera os atuais R$ 4,00 para R$ 4,25, foi homologado pelo prefeito Telmo Kirst na tarde de quinta-feira, 21. A proposta havia sido sugerida pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados (Agerst).  Em janeiro, o Consórcio TCS teria apresentado uma proposta  de R$ 4,65 ou seja, o reajuste seria de 16,25%. Os valores  que foram avaliados como abusivos  pelo promotor de Defesa Comunitária Erico Barin, que solicitou uma reunião com  representantes da Agência. Inicialmente,  o valor proposto era de R4 4,23 após, foi estipulado em R$ 4,25. 
Conforme o promotor Erico Barin, “recebemos na manhã desta segunda-feira de forma oficial e entendemos que o cálculo apresentado se aproxima do que o nosso corpo técnico fez, ou seja, o reajuste em termos de cálculo entendemos que é adequado, mesmo com o recurso que houve internamente por parte da Agerst”.
O debate sobre o reajuste já se arrastava há quase dois meses. O Consórcio TCS solicitou em janeiro o aumento da tarifa para R$ 4,65. Para chegar ao valor, a empresa considerou a redução média de 15 mil passageiros por mês, ao longo do ano passado, mais correção de insumos e gastos com investimentos e pessoal, com a elevação de 16,25%. No entanto, o promotor de Defesa Comunitária, Érico Barin, disse que o valor lhe “soava abusivo”. Barin se reuniu com integrantes da Agerst para verificar o cálculo. O novo valor sugerido de R$ 4,23, e posteriormente R$ 4,25.
A pedido da Agerst, a prefeitura enviará à Câmara de Vereadores um projeto para contratação emergencial de um engenheiro mecânico. O objetivo é avaliar os custos operacionais do transporte coletivo. O Executivo também avaliará a contratação de um estudo técnico para verificar as linhas de ônibus e horários, além da análise de vias asfaltadas. O trabalho será encomendado na tentativa de encontrar meios de reduzir a tarifa. Ainda irá requisitar um estudo de custos do Consórcio TCS à Agerst, com vista ao equilíbrio financeiro do contrato vigente.