Edição do dia 20/09/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Feriado em Santa Cruz do Sul
GERAL - Saiba como funcionarão os principais serviços nesta sexta-feira, 20
Livro Dois meninos será lançado em Santa Cruz
VARIEDADES
JTI promove a língua inglesa entre colaboradores
GERAL
Equipes da Afubra realizam avaliações nas lavouras atingidas
GERAL
100 anos Sicredi VRP: Solenidade marca os 100 anos
ESPECIAIS
100 anos Sicredi VRP: Programação intensa durante todo o ano
ESPECIAIS
Dia do Contador: A saúde financeira do seu negócio depende dele
ESPECIAIS - Conheça um pouco mais sobre a profissão do contador e sua data comemorativa
Mensagem pelo Dia do Contador
ESPECIAIS - Rugard Kanitz - presidente do Sincotec VARP
Dia do Contador: Conheça os vencedores da 6ª edição do Concurso de Redação Tributação e Cidadania
ESPECIAIS
Preservação da cultura alemã no traje oficial
VARIEDADES
As donas das flores
GERAL - O trabalho delas é cultivar a natureza que enfeita a cidade
Shopping Santa Cruz recebe convidadas para bate-papo
GERAL - Quatro mulheres estarão à frente do evento de troca de experiências
Irmãos de Axé visitam Terreiro de Candomblé na Bahia
GERAL
Galo tem jogos importantes no final de semana
ESPORTES
Copa CFC Celso abre decisão em Linha Santa Cruz
ESPORTES
Assaf encara a Assoeva no Ginásio da Unisc neste sábado
ESPORTES
SCS Skate Contest: um incentivo ao esporte
ESPORTES
Gelson Conte substitui China Balbino no Avenida
ESPORTES

Shopping Germânia busca atrair novos lojistas

A meta principal é retomar a ocupação plena das lojas do empreendimento

ECONOMIA - 01/03/2019

Shopping está aberto para comercialização dos espaços com preços mais acessíveis e contratos de experimentaçãoShopping está aberto para comercialização dos espaços com preços mais acessíveis e contratos de experimentação Crédito: Rolf Steinhaus

Rosibel Fagundes
rosibel@riovalejornal.com.br

Após as especulações sobre o fechamento do Shopping Germânia, o superintendente do centro comercial Nelson Noschang, informou na última quarta-feira, 27 que esta possibilidade está descartada e a meta agora é atrair novos estabelecimentos para o local e comercializar os espaços vagos. Atualmente, das 40 lojas, apenas 27 estão ocupadas. “Estamos trabalhando para recuperar este empreendimento. Primeiramente mapeamos todos os investimentos da cidade, alguns já têm anos de tradição e queremos oferecer a eles espaços adequados. Estamos arrumando a casa para convidar funcionar. Ser um ponto de atratividade novamente. Quero fazer o Germânia voltar a funcionar como nos velhos tempos, eu passava aqui antigamente e estava sempre movimentado. Estou  trabalhando com a questão de voltar o entretenimento. Porque um shopping tem que ter uma boa gastronomia, opções de estes lojistas. Quero trazer o máximo de operações possíveis para o Shopping voltar a entretenimento, serviços e lojas”. 

Crédito: Rolf Steinhaus

Segundo o gestor, alguns problemas causados pelo M. Grupo, antigo proprietário do Shopping fizeram com que alguns lojistas deixassem o empreendimento. Após a falência do M. Grupo, uma empresa de fundos de investimentos de São Paulo acabou como proprietária do empreendimento. A Shopping Council assumiu no ano passado a administração Shopping Germânia em Santa Cruz. Além de Santa Cruz, o grupo Council também é responsável pelo Shopping de Lajeado, Gravataí e Do Vale em Cachoeirinha. A frente do Shopping Germânia desde julho do ano passado, o superintendente Nelson Noschang que possui mais de 30 anos de experiência nesta área, relata que o trabalho não será fácil, mas será um belo desafio. “A prioridade é manter os lojistas que já existem. Estamos fazendo negociações para que eles permaneçam aqui. A gente está buscando também outras lojas e serviços. A localização do Shopping é boa. Porque fluxo de pessoas a gente já tem. São mais de duas mil pessoas que passam por aqui diariamente que são clientes do mercado, do restaurante e de nossa praça de alimentação. Temos bons investimentos aqui e queremos que outras operações venham pra cá como estabelecimentos do ramo de confecção, alimentação e estética. Estamos tentando diversificar”, concluiu Nelson Noschang. Ainda segundo ele, o Shopping está aberto para comercialização com valores mais acessíveis e contratos de experimentação.