Edição do dia 20/09/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Feriado em Santa Cruz do Sul
GERAL - Saiba como funcionarão os principais serviços nesta sexta-feira, 20
Livro Dois meninos será lançado em Santa Cruz
VARIEDADES
JTI promove a língua inglesa entre colaboradores
GERAL
Equipes da Afubra realizam avaliações nas lavouras atingidas
GERAL
100 anos Sicredi VRP: Solenidade marca os 100 anos
ESPECIAIS
100 anos Sicredi VRP: Programação intensa durante todo o ano
ESPECIAIS
Dia do Contador: A saúde financeira do seu negócio depende dele
ESPECIAIS - Conheça um pouco mais sobre a profissão do contador e sua data comemorativa
Mensagem pelo Dia do Contador
ESPECIAIS - Rugard Kanitz - presidente do Sincotec VARP
Dia do Contador: Conheça os vencedores da 6ª edição do Concurso de Redação Tributação e Cidadania
ESPECIAIS
Preservação da cultura alemã no traje oficial
VARIEDADES
As donas das flores
GERAL - O trabalho delas é cultivar a natureza que enfeita a cidade
Shopping Santa Cruz recebe convidadas para bate-papo
GERAL - Quatro mulheres estarão à frente do evento de troca de experiências
Irmãos de Axé visitam Terreiro de Candomblé na Bahia
GERAL
Galo tem jogos importantes no final de semana
ESPORTES
Copa CFC Celso abre decisão em Linha Santa Cruz
ESPORTES
Assaf encara a Assoeva no Ginásio da Unisc neste sábado
ESPORTES
SCS Skate Contest: um incentivo ao esporte
ESPORTES
Gelson Conte substitui China Balbino no Avenida
ESPORTES

Noite Instrumental reúne grande público

O evento contou com apresentações da Privilege Jazz e Duo Vento Madeira

VARIEDADES - 31/05/2019

Hermeto Pascoal, Gilberto Gil, Chico Buarque, Milton Nascimento, Miles Davis e Herbie Hancock fizeram parte do repertório da Privilege JazzHermeto Pascoal, Gilberto Gil, Chico Buarque, Milton Nascimento, Miles Davis e Herbie Hancock fizeram parte do repertório da Privilege Jazz Crédito: Elisangela Johann

Sara Rohde
sara@riovalejornal.com.br

A noite fria e chuvosa da última terça-feira, 28, não impediu o grande público de prestigiar a Noite Instrumental, promovida pela Escola de Música Batera’s School. A plateia pode apreciar os talentos da Privilege Jazz (Diego Maracci na bateria, Gustavo Sehnem teclados, Marco "Dru" Oliveira guitarra, Lucas Kist saxofones alto e soprano, e flauta transversal e André Dreher baixo) e do Duo Vento Madeira (Henrique Sulzbacher na Flauta Shakuhachi e Roberto Pohlmann no violão). 
O evento foi realizado com o objetivo de incentivar a arte local e a cultura. Conforme o idealizador da Noite Instrumental e proprietário da Batera’s School, o baterista Diego Maracci, a Noite Instrumental é uma ideia antiga que foi realizada para fomentar a música instrumental na cidade e região com o cunho maior da arrecadação de alimentos que serão destinados à Associação de Auxílio aos Necessitados (Asan). “Além de alegrar o público com nossa música, nossa forma de ajudar também foi arrecadando alimentos”, disse Maracci.

O Duo Vento Madeira abriu as apresentações da Noite Instrumental O Duo Vento Madeira abriu as apresentações da Noite Instrumental Crédito: Elisangela Johann

A Privilege Jazz é uma formação que se iniciou em 2017. “Fizemos algumas apresentações informais e em 2018 tivemos uma parada. Agora no início do ano retomamos para realmente executar este projeto. Começamos com a Noite Instrumental, temos outras coisas em vista, e se tudo der certo, vamos cair na estrada”, salientou o baterista.
Releituras de músicas pop, latina, de grandes compositores brasileiros como Hermeto Pascoal, Gilberto Gil, Chico Buarque e Milton Nascimento foram apresentadas pela Privilege Jazz. Músicas de artistas americanos como Miles Davis e Herbie Hancock também fizeram parte do repertório. “São músicas realmente boas. É a nossa versão com uma pitada de Jazz”, concluiu Maracci.
A apresentação do Duo Vento Madeira contou com a mescla de sonoridades orientais e ocidentais, numa pegada mais voltada à música do sul da América Latina. Professor de música há 20 anos, Henrique Sulzbacher fabrica e estuda a flauta Shakuhachi há 11 anos, sendo um dos únicos fabricantes da flauta japonesa na América Latina. O Roberto Pohlmann estuda violão há mais de 12 anos, o artista é Licenciado em Música pela UFPel e Mestre em Educação pela Unisc. 
A Noite Instrumental aconteceu na Batera’s, rua Senador Pinheiro Machado, 273.