Edição do dia 15/11/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Samu: Regulação compartilhada deve entrar em operação até o fim do ano
SAÚDE
Campanhas estimulam a Solidariedade
GERAL
Escritora santa-cruzense lança o livro Melodia Perversa
VARIEDADES
Lifasc: Soberania dos visitantes domina
ESPORTES
Municipal Feminino: Muitos gols marcam a rodada
ESPORTES
Santa Cruz luta, mas perde nos pênaltis para o Soledade
ESPORTES
Regional 2019:Trombudo sai na frente nas semifinais
ESPORTES - Nos Aspirantes deu o Formosa contra o Unidos
Amigos do Cinema exibe Tarkovski
VARIEDADES
Associação Pró-Cultura: Vernissage abre última mostra
VARIEDADES
NOVEMBRO ROXO: Exposição dá início às atividades
SAÚDE - Hospital Santa Cruz preparou também palestra e oficina sobre o mês da Prematuridade
Cisvale debate temas expressivos para a região
GERAL
Portal Lunetas e Mercur promovem bate-papo sobre Infâncias
GERAL
Confraria Nativista: Nova diretoria será empossada
GERAL
Comissão Especial da OAB promove eventos para abordar a Reforma da Previdência
GERAL
Vacinação contra o Sarampo: Nova fase começou nesta segunda
SAÚDE
Santa Cruz tem oito escolas paralisadas
EDUCAÇÃO - Em outros sete educandários o atendimento é parcial e em quatro as atividades seguem normalmente
Noite de comemorar o fim do 34º Enart
VARIEDADES - CTG porto-alegrense e Candeeiro de Vera Cruz levaram os principais prêmios
O tabu e as evoluções do tratamento do câncer de próstata
SAÚDE - Entenda a importância da conscientização e como a tecnologia tem ajudado no combate

Cerco a assaltantes já dura mais de 24 horas

Brigada Militar segue as buscas para localizar quadrilha que assaltou Sicredi em Monte Alverne

POLÍCIA - 03/07/2019

Crédito: Viviane Fetzer

Rosibel Fagundes
[email protected]

A Brigada Militar segue as buscas para tentar localizar uma quadrilha que atacou a agência bancária do Sicredi em Monte Alverne, interior de Santa Cruz do Sul na tarde da última segunda-feira, 1º de julho. O cerco que já dura mais de 24 horas, e conta com um efetivo de 30 viaturas e 60 policiais de toda a região que está concentrado em Linha Arroio Grande, interior de Venâncio Aires. 
De acordo com o comandante do 23º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Giovani Paim Moresco, o bando teria se dividido em dois. “O que conseguimos detectar até o momento é que um dos grupos que estaria no automóvel Volkswagen Gol que pertence ao padre teria colidido o veículo e seguido a pé até a localidade. Um dos criminosos chegou a ser visto por uma moradora”. De acordo com o relato da mulher aos policiais, o homem que portava uma arma de cano longo aparentava ter 1,75 de altura e vestia roupas de cor verde escura ou camuflada. Moresco relatou ainda que o criminoso teria efetuado um disparo de arma de fogo para que um motorista que trafegava pela ERS-422 e seguia para Boqueirão do Leão parasse o veículo. No entanto, o motorista conseguiu escapar. O comandante advertiu que o bando não seria da região do Vale do Rio Pardo e não descartou a possibilidade de que eles tenham contado com informações privilegiadas. “Acredito que o pequeno bando seja formado por integrantes da região metropolitana, mas que tenha contado com o auxílio de informações privilegiadas inclusive no sentido de que a região onde eles realizaram o roubo em Monte Alverne, tem uma ligação muito facilitada para Venâncio Aires e a rota de fuga para Lajeado ou Porto Alegre. Então eles sabiam onde estavam atuando”, afirmou Moresco.
O cerco aos assaltantes deve seguir até a manhã desta quarta-feira, 3 de julho, quando policiais efetuam barreiras próximas da ERS-422 e em estradas vicinais. O comandante aconselha a comunidade para que em qualquer situação onde for constatada a movimentação estranha de veículos ou pessoas próximas de residências que os moradores acionem a BM através do 190, na tentativa de evitar que roubos e outros crimes semelhantes a este possam ser evitados.