Edição do dia 15/10/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Calendário de Eventos 2020
GERAL
35ª Oktoberfest: Shows tradicionalistas são atração desta quarta-feira
GERAL - Festa da Alegria terá apresentações do Grupo Fandangaço, às 20h, e Os Serranos, às 22h30, no Lonão
Festa da Alegria recebe 20 mil pessoas no Dia da Maturidade Ativa
GERAL - Mais de 40 grupos e excursões de todo o Estado estiveram na 35ª Oktoberfest nesta terça-feira, 15 de outubro
Dia do Professor: educação para a erradicação do trabalho infantil
GERAL - Conheça a história de dois profissionais que estão na linha de frente do programa ARISE, iniciativa que muda a realidade de crianças e adolescentes
Praça da Cultura levará o nome de José Paulo Rauber Filho
GERAL - Inauguração do local ocorreu no sábado, 12 e contou com a presença da família do homenageado
Terça-feira será de ponto facultativo nas escolas
GERAL - Além das escolas municipais e estaduais, algumas particulares também não terão aula neste dia
Dia do Eletricista é nesta quinta-feira
GERAL - Data marca a importância do profissional habilitado
Inscrições abertas para a Escola de Educação Infantil
GERAL - Há vagas gratuitas e pagas para crianças de 4 e 5 anos
Rodrigo Solda é o novo presidente
GERAL - Além dele, outros prefeitos foram empossados para a diretoria e conselho fiscal do biênio 2020/2021
Evento discute problemas do contrabando e a pirataria
GERAL - Palestra apresentou dados sobre as ameaças do mercado ilegal para a economia
Sicredi Vale do Rio Pardo enaltece o cooperativismo durante o desfile da 35ª Oktoberfest
GERAL
Quase 17 milhões já foram emprestados pelo município
GERAL
Primeiros dias de Oktoberfest superam 54,6 mil pessoas pagantes
GERAL - Semana segue repleta de atrações
Fala, professor!
EDUCAÇÃO - Especial Dia do Professor
Histórico da data
EDUCAÇÃO - Especial Dia do Professor
O profissional que dedica a sua vida a ensinar
EDUCAÇÃO - Especial Dia do Professor
O big bang é o Operacional Divino
OPINIÃO
Permitir não é obrigar
OPINIÃO

Parada da Diversidade reuniu grande público

A primeira edição teve como principal objetivo dar um basta ao preconceito e a homofobia

GERAL - 09/07/2019

A Parada da Diversidade teve caminhada pela Rua Marechal Floriano A Parada da Diversidade teve caminhada pela Rua Marechal Floriano Crédito: Sara Rohde

Sara Rohde
[email protected]

Cerca de mil pessoas participaram da primeira parada da Diversidade de Santa Cruz do Sul nesse domingo, 7 de julho. Promovido pela ONG Desafios, o evento reuniu a comunidade LGBT+, caravanas vindas de outros municípios, atrações artísticas e palestras sobre o tema Amor, Família e Respeito. O objetivo principal foi um pedido pelo fim do preconceito e homofobia.
A concentração foi em frente à Praça Getúlio Vargas onde o público saiu em caminhada pela Rua Marechal Floriano até a Praça da Bandeira junto com carro de som, bandeiras e balões coloridos. No local um palco foi montado onde aconteceram falas de convidados, apresentação de peças teatrais, grupo de rap feminino, dança e música, entre outras intervenções artísticas.

Durante concentração em frente à Praça Getúlio o Padre Jolimar (dir.) falou sobre o amor de Deus com todosDurante concentração em frente à Praça Getúlio o Padre Jolimar (dir.) falou sobre o amor de Deus com todos Crédito: Sara Rohde

Segundo o presidente e fundador da ONG Desafios, Ruben Quintana, muitos LGBTs são mortos vítimas de ódio, raiva e intolerância todos os dias, “a gente quer acabar com isso e, com este ato queremos contribuir para tentar evitar que Santa Cruz entre neste índice de morte contra LGBTs. A gente sabe que muitas pessoas conhecem, têm membros das famílias que são LGBTs e não queremos que um querido da gente, um filho, um amigo, seja vítima de ato de agressão por intolerância, por raiva, por ódio, então o que buscamos é tentar evitar que isso aconteça, juntamente com a comunidade e as famílias locais”, disse. Segundo a organização, no ano que vem será realizada a segunda edição da Parada da Diversidade.
Para o Padre Jolimar que participou do ato, o evento é um pedido de respeito às diferenças. “Cores, sabores, amores e saberes, que este momento histórico em Santa Cruz seja o primeiro de muitos momentos de luta pela dignidade, pelo respeito às diferenças, pelo acolhimento e valorização das pessoas acima de tudo, a partir daquilo que elas são. É isto que nós queremos e de mãos dadas, não importa a igreja nem a religião, caminharemos juntos na superação da violência, na superação da dor, dos estigmas e maldades que muitas vezes nos separam e nos distanciam. Precisamos viver unidos e respeitando cada um, do seu jeito de ser, de amar, porque afinal de contas, Deus é amor, e é o amor que nos liberta”.