Edição do dia 15/10/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Calendário de Eventos 2020
GERAL
35ª Oktoberfest: Shows tradicionalistas são atração desta quarta-feira
GERAL - Festa da Alegria terá apresentações do Grupo Fandangaço, às 20h, e Os Serranos, às 22h30, no Lonão
Festa da Alegria recebe 20 mil pessoas no Dia da Maturidade Ativa
GERAL - Mais de 40 grupos e excursões de todo o Estado estiveram na 35ª Oktoberfest nesta terça-feira, 15 de outubro
Dia do Professor: educação para a erradicação do trabalho infantil
GERAL - Conheça a história de dois profissionais que estão na linha de frente do programa ARISE, iniciativa que muda a realidade de crianças e adolescentes
Praça da Cultura levará o nome de José Paulo Rauber Filho
GERAL - Inauguração do local ocorreu no sábado, 12 e contou com a presença da família do homenageado
Terça-feira será de ponto facultativo nas escolas
GERAL - Além das escolas municipais e estaduais, algumas particulares também não terão aula neste dia
Dia do Eletricista é nesta quinta-feira
GERAL - Data marca a importância do profissional habilitado
Inscrições abertas para a Escola de Educação Infantil
GERAL - Há vagas gratuitas e pagas para crianças de 4 e 5 anos
Rodrigo Solda é o novo presidente
GERAL - Além dele, outros prefeitos foram empossados para a diretoria e conselho fiscal do biênio 2020/2021
Evento discute problemas do contrabando e a pirataria
GERAL - Palestra apresentou dados sobre as ameaças do mercado ilegal para a economia
Sicredi Vale do Rio Pardo enaltece o cooperativismo durante o desfile da 35ª Oktoberfest
GERAL
Quase 17 milhões já foram emprestados pelo município
GERAL
Primeiros dias de Oktoberfest superam 54,6 mil pessoas pagantes
GERAL - Semana segue repleta de atrações
Fala, professor!
EDUCAÇÃO - Especial Dia do Professor
Histórico da data
EDUCAÇÃO - Especial Dia do Professor
O profissional que dedica a sua vida a ensinar
EDUCAÇÃO - Especial Dia do Professor
O big bang é o Operacional Divino
OPINIÃO
Permitir não é obrigar
OPINIÃO

Música sertaneja: a identificação do interior

EDITORIAL - 24/07/2019

Em editoriais passados, avaliávamos a relevância de gêneros musicais como o rock e a bossa nova. Mantendo esta linha de raciocínio, onde se coloca a música sertaneja, tão popular há décadas no Brasil? Em termos de qualidade musical, o sertanejo vive oscilações bem marcantes. A qualidade das músicas é realmente discutível, e algumas delas, embora não sejam muito brilhantes, acabam cumprindo um papel de entretenimento.

Existem músicas sertanejas que realmente são maravilhosas, como é o caso de "É o amor" (Zezé Di Camargo & Luciano), que marcou os anos 90. Outra música muito especial, "Meu primeiro amor", já teve diversas versões - por exemplo, com as duplas João Mineiro e Marciano, Milionário e José Rico, e mais recentemente, com Bruno e Marrone. Hoje, há uma profusão de músicas sertanejas, muitas delas simplesmente existem para divertir, sem proporcionar uma beleza artística muito significativa.

Uma das características mais importantes da música sertaneja, é a valorização do interior brasileiro. Claro que Chico Buarque, Tom Jobim e outros músicos são grandes gênios e merecem todo o reconhecimento por seu brilhantismo artístico, mas a música sertaneja ajudou a descentralizar a visão que temos do Brasil. Antes, o país parecia centralizado no Rio de Janeiro, especialmente na Zona Sul carioca, e o sertanejo colocou em foco o interior brasileiro, uma megarregião com a qual a maioria da população pode se identificar, pois vive e sobrevive aqui mesmo, no interior.

Esse mérito do gênero musical sertanejo, é algo que precisa ser valorizado, pois ajuda a visualizar os lugares onde a maioria da população brasileira reside. E, mais do que isso, ajuda a que essas pessoas se sintam vistas e possam se identificar com uma perspectiva musical. Isto, certamente, é um dos segredos que levaram a música sertaneja ao sucesso.