Edição do dia 13/09/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Solidariedade declara apoio a Telmo
POLÍTICA
Saiba como ter desconto especial no IPTU do ano que vem
GERAL
A Hipnose pode auxiliar no autodesenvolvimento de forma eficaz
EMPRESARIAL - Especialista desmistificou tema e apontou benefícios da técnica no Café Empresarial
Reforma Tributária é tema da apresentação de Rigotto em Santa Cruz
GERAL
Dada a largada para a Semana Farroupilha
GERAL - Abertura aconteceu no Parque de Eventos na manhã desta sexta-feira
Fórum atrai dois secretários de Estado a Santa Cruz do Sul
GERAL - Representantes de todas as 28 regiões estiveram na Unisc nessa quinta-feira
Lino e Laila serão tema do Novo Cemai
GERAL
Aulas de autoescola com ou sem simulador de direção?
GERAL
Sessão especial para o ensino médio
VARIEDADES
Estudante de Santa Cruz conquista certificado de excelência internacional
EDUCAÇÃO
RGE instala aquecedores solares nas residências de 150 famílias
GERAL
Embarques devem superar os US$ 2 bilhões
GERAL
Depressão deve ser tratada no início, afirma especialista
ESPECIAIS - Mulheres sofrem de depressão duas vezes mais do que os homens
Tributo a Herb Alpert é hoje
VARIEDADES - Teatro do Mauá recebe apresentação às 20h
Sociedade Ginástica: Jantar Baile marca comemoração dos 126 anos
EMPRESARIAL
Farmácia Municipal reabre na segunda no novo prédio
SAÚDE
Grupo Tholl traz Casinha de Chocolate
VARIEDADES
18,2 mil exemplares foram vendidos
VARIEDADES - Além do sucesso em vendas, o público também compareceu e lotou a Praça Getúlio Vargas

Espiritualidade deve ser compreendida

EDITORIAL - 10/09/2019

Um dos filmes nacionais mais destacados de 2019, "Kardec: a história por trás do nome", do diretor Wagner de Assis, foi exibido nos cinemas e recentemente entrou no catálogo do serviço de streaming Netflix. O filme, embora seja uma produção brasileira, apresenta parte da trajetória do francês Allan Kardec, fundador do espiritismo no século 19. É perfeitamente compreensível o interesse de nós, brasileiros, por Kardec, levando em conta que o espiritismo é uma doutrina religiosa muito difundida em nosso país.

O ator Leonardo Medeiros interpreta o personagem principal nesta obra cinematográfica. No filme, Kardec mostra-se inicialmente cético com as questões espirituais, mas, à medida que vai se familiarizando com as capacidades dos médiuns, ele encontra respostas muito interessantes a respeito de Deus e de outros aspectos envolvidos com a espiritualidade. Em relação a Deus particularmente, a partir de relatos mediúnicos, Kardec assimila a ideia de que o Criador é a Inteligência Suprema. Também a partir desses relatos, Kardec passa a entender que o Criador é um "Deus de amor".

Essas constatações feitas por Kardec em seu contato com os médiuns, ocorreram em um cenário pós-Revolução Francesa, um tanto desfavorável para o desenvolvimento de conceitos espirituais mais amplos. Após a Revolução, a França foi tomada por ideias que privilegiavam a razão e a ciência, colocando o pensamento sobre a espiritualidade em posição inferior.

Porém, em seus estudos, Kardec procurou aliar a ciência ao aspecto espiritual. O que, sem dúvida, é uma ótima contribuição para que a sociedade possa compreender melhor a espiritualidade. Afinal, há muitos fenômenos a serem explicados e entendidos pela comunidade humana.