Edição do dia 18/10/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Os últimos dias da 35ª Oktoberfest
VARIEDADES - Confira o que aconteceu nesta semana e o que vai movimentar o fechamento da festa
1ª Semana Lixo Zero: Tudo pronto na programação
GERAL - Objetivo é incluir o município na lista de cidades com o título Lixo Zero, concedida pelo ILZ
Menos barulho nas comemorações de fim de ano
GERAL - Assembleia Legislativa aprovou dois projetos referentes ao uso de fogos de artifício
Evento apresenta o que há de melhor em arquitetura
GERAL - Os ambientes foram decorados por profissionais renomados
Equipe do Colégio Mauá se destaca no Nacional
GERAL
Novo Cabrais: Novas soberanas serão conhecidas nesta sexta
VARIEDADES
Novo Cabrais: Uma história que se constrói a cada dia
GERAL - Município comemora 23 anos de emancipação político-administrativa com desenvolvimento e progresso
Novo Cabrais: Saúde realiza atividade de prevenção
SAÚDE
Novo Cabrais: Feira de Saúde terá palestras sobre depressão e suicídio
SAÚDE - Evento tratará tema que vem em crescente demanda no município e na região e também oferecerá serviços gratuitos
Empregar RS disponibilizará 50 vagas
GERAL
Marcel Knak é o novo coordenador
GERAL - Ele será responsável por atender 23 municípios da região
Fios de Esperança: um ato de amor
GERAL - Projeto voluntário promove a autoestima e melhora a qualidade de vida de pacientes com câncer
Dia do médico: Celebre o profissional que cuida da sua saúde
ESPECIAIS
Dia do pintor: Eles dão mais cor ao nosso mundo
ESPECIAIS
Farsul em Campo: Seminário teve um dia repleto de atividades
GERAL - Evento contou com a participação de aproximadamente 150 pessoas
Pompéia de cara nova
EMPRESARIAL - A loja ampliou o espaço e o mix de produtos
Influencers Live Show: Gravações iniciam na próxima semana
GERAL - O programa vai ao ar a partir do dia 2 de novembro
Entrega de recursos ocorre na próxima terça-feira
GERAL

Segurança Pública será reforçada em 36 municípios

Municípios da região receberão um total de aproximadamente R$ 2 milhões

POLÍCIA - 17/09/2019

O vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, destacou a iniciativa dos parlamentares gaúchosO vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, destacou a iniciativa dos parlamentares gaúchos Crédito: Itamar Aguiar/Palácio Piratini

Um carro em situação irregular passa por uma câmera do cercamento eletrônico. Um alerta sobre a irregularidade é emitido na central de videomonitoramento e, imediatamente, repassado para a guarnição da Brigada Militar mais próxima do fato, que aborda o veículo. O cercamento eletrônico é mais uma ferramenta para auxiliar no combate ao furto e roubo de veículos, que apresenta queda nos últimos meses no Rio Grande do Sul.
Com o empenho da bancada gaúcha no Congresso, foi possível levantar recursos para colocar em prática esta ação em 36 municípios do Estado. São mais de R$ 18 milhões investidos em sistemas de videomonitoramento. O valor é parte dos mais de R$ 67 milhões em recursos de emenda parlamentar, aprovada em 2017, somados a uma contrapartida de R$ 6,3 milhões do Estado, num total de R$ 73,6 milhões em investimentos. Os recursos viabilizaram o reforço da Segurança Pública do RS com viaturas, armas e equipamentos. Os municípios de Santa Cruz do Sul, Encruzilhada do Sul, Candelária, Rio Pardo, Venâncio Aires, Vera Cruz e Pantano Grande receberão um total de aproximadamente R$2 milhões.
Em evento realizado na manhã desta segunda-feira, 16 no Palácio Piratini, em Porto Alegre, foi formalizado o início do processo da implantação da tecnologia nos municípios contemplados. A expectativa é que até julho de 2020 todas as 36 cidades estejam com a instalação completa. 
O vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, comemorou a iniciativa dos parlamentares gaúchos. “Esta é uma importante ferramenta tecnológica que vem para auxiliar na redução do furto e roubo de veículos e não posso deixar de exaltar essa conquista que veio através da união da bancada gaúcha em prol da segurança no RS”, disse.

Comitê especial do SIM 
O Sistema de Segurança Integrada com os Municípios (SIM) é um programa criado em 2017 para ampliar o relacionamento entre Estado e municípios gaúchos para o desenvolvimento de ações de Segurança. Uma das possibilidades oferecidas pelo programa é o convênio para cercamento eletrônico, que visa coibir as ações criminosas ligadas ao furto e roubo de veículos, bem como aproximar a comunicação entre os municípios para o enfrentamento a violência.
O SIM oferece consultoria técnica sobre o sistema de videomonitoramento, com informações a respeito de levantamento de preços e tecnologia necessária para a integração com o sistema estadual, bem como para possibilidades de captação de recursos, como a linha de crédito do Badesul Cidades Mais Seguras. Os municípios que buscam essa referência podem contatar o comitê especial do SIM para solicitar apoio técnico na elaboração dos projetos.

Apoio da Procergs
A Companhia de Processamento de Dados do Rio Grande do Sul (Procergs) desenvolveu um Sistema Nacional para a recepção de leituras de placas de veículos. Intitulado Operador Nacional dos Estados (ONE), o sistema é utilizado em todo o país para fiscalização de mercadorias ligadas aos projetos de documentos fiscais eletrônicos (NF-e). A partir deste projeto, nasceu a demanda da Segurança Pública para um sistema semelhante para o cercamento eletrônico.
Foi então criado o sistema de Controle e Monitoramento de Veículos (CMV) que, juntamente com o sistema ONE, permite identificar a placa e irregularidades nos veículos dentro do Estado. São verificados sete indicadores: IPVA, licenciamento, furto/roubo, alerta de furto/roubo, veículo clonado, baixado e com restrição. Essas informações são lançadas no painel do operador no videomonitoramento, que detecta as situações e encaminha alertas aos policiais militares mais próximos da ocorrência.
Toda a informação é georeferenciada e permite exibir no mapa o local da ocorrência. O sistema também permite que sejam cadastradas informações sobre veículos de interesse operacional para geração de alertas de monitoramento. (TEXTO: ASCOM SSP e SECOM RS)