Edição do dia 13/12/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Santa Cruz perde Arno Frantz
GERAL - Ex-prefeito da cidade faleceu na manhã de ontem, de uma parada respiratória
Pagamento do IPVA com desconto começa dia 17 de dezembro
ECONOMIA
Aulas deverão ser concluídas somente em 2020
EDUCAÇÃO
Senac-RS lança edital para distribuição de vagas gratuitas
GERAL
Lei Geral de Proteção de Dados é tema de evento
GERAL
Novo Cabrais: Quadra de esportes da Linha São João é inaugurada
ESPORTES - Local foi construído pela prefeitura municipal, através de uma emenda parlamentar de Luiz Carlos Heinze
Novo Cabrais: Programação de Natal ocorre nesta sexta-feira
VARIEDADES - Evento contará com diversas atrações no Centro Desportivo Municipal
Novo Cabrais: Projeto sobre meio ambiente é desenvolvido na Teófilo
GERAL
Receita Estadual entrega dados de sonegação ao Ministério Público do RS
ECONOMIA
Saque imediato do FGTS
GERAL - Bolsonaro sanciona lei que aumenta limite
TSE aprova normas para eleição municipal de 2020
GERAL
NAAC realiza o 1º Seminário de Tradutores e intérpretes de Libras
GERAL
Christkindfest: Desfile Natalino é destaque no fim de semana
VARIEDADES
Senac inscreve para curso de Design
GERAL
Christkindfest 2019: Espetáculo Alma Única no dia 18 de dezembro
VARIEDADES
RGE investiu R$ 45,7 milhões no Vale do Rio Pardo
ECONOMIA
Escolas da região doam materiais
EDUCAÇÃO
Empregador assina a carteira digital pelo eSocial
GERAL

Livro Dois meninos será lançado em Santa Cruz

VARIEDADES - 20/09/2019

De autoria do professor do Departamento de Ciências Administrativas da Unisc, Leonardo José Andriolo, o livro de contos intitulado Dois meninos (Editora Coralina) será lançado em Santa Cruz do Sul no dia 28 de setembro, um sábado, às 14 horas, na Livraria & Cafeteria Iluminura (Rua Borges de Medeiros, 471). A obra é uma coletânea de contos, com várias temáticas e diversos estilos.
O conto Dois meninos, que dá o título ao livro, é a história real de dois irmãos, Giocondo e Francisco, criados na região de imigração italiana na serra gaúcha, que desde pequenos tiveram uma forte ligação, em parte pela pouca diferença de idade, dois anos, e também pela afinidade natural de suas personalidades.
Essa cumplicidade e parceria permanecem na idade adulta e se tornam ainda mais fortes quando, já na casa dos 80 anos, ambos ficam viúvos. Essa época ficou marcada por alguns acontecimentos e coincidências intrigantes.
Um desses fatos foi uma conversa entre os dois, onde discutiam quem iria morrer primeiro, e cada qual se julgava merecedor de ir antes do outro. Na falta de consenso, decidiram que deveriam partir juntos. Giocondo faleceu no dia 25 de dezembro de 2017, com 93 anos. Treze dias depois, aos 95 anos, Francisco também partiu.