Edição do dia 13/12/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Santa Cruz perde Arno Frantz
GERAL - Ex-prefeito da cidade faleceu na manhã de ontem, de uma parada respiratória
Obrigado, "seu Arno"
EDITORIAL
Pagamento do IPVA com desconto começa dia 17 de dezembro
ECONOMIA
Aulas deverão ser concluídas somente em 2020
EDUCAÇÃO
Senac-RS lança edital para distribuição de vagas gratuitas
GERAL
Lei Geral de Proteção de Dados é tema de evento
GERAL
Novo Cabrais: Quadra de esportes da Linha São João é inaugurada
ESPORTES - Local foi construído pela prefeitura municipal, através de uma emenda parlamentar de Luiz Carlos Heinze
Novo Cabrais: Programação de Natal ocorre nesta sexta-feira
VARIEDADES - Evento contará com diversas atrações no Centro Desportivo Municipal
Novo Cabrais: Projeto sobre meio ambiente é desenvolvido na Teófilo
GERAL
Receita Estadual entrega dados de sonegação ao Ministério Público do RS
ECONOMIA
Saque imediato do FGTS
GERAL - Bolsonaro sanciona lei que aumenta limite
TSE aprova normas para eleição municipal de 2020
GERAL
NAAC realiza o 1º Seminário de Tradutores e intérpretes de Libras
GERAL
Christkindfest: Desfile Natalino é destaque no fim de semana
VARIEDADES
Senac inscreve para curso de Design
GERAL
Christkindfest 2019: Espetáculo Alma Única no dia 18 de dezembro
VARIEDADES
RGE investiu R$ 45,7 milhões no Vale do Rio Pardo
ECONOMIA
Escolas da região doam materiais
EDUCAÇÃO

Correndo contra o tempo

OPINIÃO - 24/09/2019

Marque no seu relógio: em 45 minutos, ao menos um brasileiro terá tirado a própria vida. O frio girar de ponteiros esconde uma epidemia silenciosa que aumenta ano após ano. Tabus e receios envolvidos dão certa invisibilidade ao tema, especialmente quando tratamos da morte de crianças e adolescentes. Não podemos mais deixar para lá, nem desviar o olhar. 
Os dados sobre o suicídio no Brasil são impressionantes – talvez ainda mais porque sequer são discutidos abertamente. Segundo o Ministério da Saúde, 11 mil pessoas cometem este ato extremo anualmente. Na última década, a taxa entre crianças de 10 a 14 anos aumentou 40%. Já entre jovens de 15 a 19 anos, cresceu 33,5%. 
Tão alarmante quanto as estatísticas é a forma displicente como boa parte das famílias, governos e instituições vem tratando do assunto. Especialistas apontam que até 90% dos casos dos suicídios poderiam ser evitados. Não é o caso de buscar culpados, muito pelo contrário. Trata-se alertar uma sociedade que precisa acordar e valorizar a vida. Ou tudo ficará como está.
Na Câmara dos Deputados, formamos a Frente Parlamentar de Combate ao Suicídio e Automutilação, da qual sou secretária-executiva. No Rio Grande do Sul, a deputada Franciane Bayer capitaneia uma iniciativa estadual semelhante. Lá e aqui, de forma articulada, buscamos mobilização e união de esforços para desenvolver políticas públicas de enfrentamento a esse grave problema.
Estamos, é claro, diante de uma situação extremamente complexa, que envolve questões médicas e sociais. Mas isso não pode servir de desculpa para a inércia ou para a leniência. A cor amarela, escolhida para simbolizar o mês de setembro, não poderia ser mais adequada: é justamente um sinal de alerta para todos nós.
Se o relógio não está a nosso favor, precisamos agir – e o quanto antes! É hora de os pais falaram com seus filhos. De as escolas debaterem com a comunidade escolar. De os amigos cuidarem dos seus. De as igrejas orientarem seus fiéis. De os governos agirem. De a sociedade se dar conta e reagir. É hora de você fazer algo. Afinal, pelos meus cálculos, só temos mais 40 minutos até outra vida ser perdida.

Liziane Bayer – [email protected]
Deputada federal (PSB)