Edição do dia 15/10/2019

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Calendário de Eventos 2020
GERAL
35ª Oktoberfest: Shows tradicionalistas são atração desta quarta-feira
GERAL - Festa da Alegria terá apresentações do Grupo Fandangaço, às 20h, e Os Serranos, às 22h30, no Lonão
Festa da Alegria recebe 20 mil pessoas no Dia da Maturidade Ativa
GERAL - Mais de 40 grupos e excursões de todo o Estado estiveram na 35ª Oktoberfest nesta terça-feira, 15 de outubro
Dia do Professor: educação para a erradicação do trabalho infantil
GERAL - Conheça a história de dois profissionais que estão na linha de frente do programa ARISE, iniciativa que muda a realidade de crianças e adolescentes
Praça da Cultura levará o nome de José Paulo Rauber Filho
GERAL - Inauguração do local ocorreu no sábado, 12 e contou com a presença da família do homenageado
Terça-feira será de ponto facultativo nas escolas
GERAL - Além das escolas municipais e estaduais, algumas particulares também não terão aula neste dia
Dia do Eletricista é nesta quinta-feira
GERAL - Data marca a importância do profissional habilitado
Inscrições abertas para a Escola de Educação Infantil
GERAL - Há vagas gratuitas e pagas para crianças de 4 e 5 anos
Rodrigo Solda é o novo presidente
GERAL - Além dele, outros prefeitos foram empossados para a diretoria e conselho fiscal do biênio 2020/2021
Evento discute problemas do contrabando e a pirataria
GERAL - Palestra apresentou dados sobre as ameaças do mercado ilegal para a economia
Sicredi Vale do Rio Pardo enaltece o cooperativismo durante o desfile da 35ª Oktoberfest
GERAL
Quase 17 milhões já foram emprestados pelo município
GERAL
Primeiros dias de Oktoberfest superam 54,6 mil pessoas pagantes
GERAL - Semana segue repleta de atrações
Fala, professor!
EDUCAÇÃO - Especial Dia do Professor
Histórico da data
EDUCAÇÃO - Especial Dia do Professor
O profissional que dedica a sua vida a ensinar
EDUCAÇÃO - Especial Dia do Professor
O big bang é o Operacional Divino
OPINIÃO
Permitir não é obrigar
OPINIÃO

Assmann: objetivo é o equilíbrio fiscal

Prefeitura divulga prestação de contas da gestão em 2019

ECONOMIA - 01/10/2019

Contador André Weigel (à esquerda) detalhou receitas e despesas do município neste anoContador André Weigel (à esquerda) detalhou receitas e despesas do município neste ano Crédito: Grasiel Grasel

Grasiel Grasel
[email protected]

Na manhã desta segunda-feira, dia 30, a Prefeitura realizou na Câmara de Vereadores uma apresentação detalhada da execução orçamentária do município até o mês de agosto. Até o momento, o saldo tem sido positivo e um superávit de R$ 10,8 milhões tende a garantir os compromissos que a Prefeitura terá com o pagamento do 13º e férias do funcionalismo. De acordo com o secretário de Fazenda, Zeno Assmann, o objetivo continuará sendo manter receitas e despesas niveladas no final do ano.
Com uma bancada liderada pelo secretário Zeno Assmann, o contador da Prefeitura, André Weigel, apresentou um relatório detalhado do desempenho das contas públicas de Santa Cruz neste ano de 2019. “Nesse primeiro momento, nós temos R$ 303 milhões de arrecadação e as despesas liquidadas, que são as que já foram pagas, em R$ 292 milhões. Então temos um superávit orçamentário de R$ 10,8 milhões”, diz Weigel. De acordo com ele, a exigência do prefeito Telmo Kirst sempre foi de manter um equilíbrio entre o que é arrecadado e o que é gasto.
Embora o superávit seja positivo, o contador explica que ele não tende a continuar tão grande até o final do ano. “Essa pequena economia que temos ainda vai ser diluída porque temos muitos compromissos pela frente, principalmente 13º salário e férias, porque em dezembro muita gente tira férias”, diz. Portanto, ao chegarmos na reta final de 2019, a tendência é que pouco dinheiro fique sobrando no caixa da Prefeitura, mas o cuidado para que o saldo seja positivo é constante.
Na questão de gastos com pessoal, o município tem gasto 45,28% do que arrecada com folha de pagamento, chegando a R$ 201,7 milhões até o segundo quadrimestre de 2019, número inferior aos 54% (R$ 240 milhões do montante arrecadado) permitidos por lei. Weigel explica que o número é satisfatório, pois está bem longe do teto previsto por legislação. “Na prática, cada ponto percentual (até chegar aos 54%) corresponderia a milhões de reais em pagamentos”, garante ele.
Outro ponto apresentado foi a respeito da origem das arrecadações, sendo a principal delas os recursos vindos do governo estadual. No município, as arrecadações próprias (R$ 84,2 milhões) ficaram acima do montante proveniente da união (R$ 83,9 milhões). De acordo com Weigel, o ideal é que a receita própria, levantada diretamente por Santa Cruz, sempre corresponda a cerca de 30% do total, para garantir que haja uma melhor saúde fiscal.
Parte importante do plano de arrecadação da Prefeitura, o programa Regularize Cidadão, que oferecia descontos no pagamento de dívidas com o município, chegou ao seu fim no dia de ontem (30 de setembro). Segundo o secretário, devedores ainda podem negociar e pagar seus compromissos: “As pessoas podem chegar na Secretaria de Fazenda e fazer os seus acertos, mas agora fora do programa Regularize Cidadão e a vantagem dos descontos. Os acertos e as negociações continuam como sempre, podendo parcelar ou pagar à vista”, explica.