Edição do dia 17/01/2020

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Costuras e Reformas Suzana Ramos: ateliê comemora quatro anos
GERAL
Resultado financeiro da 35ª Oktoberfest supera R$ 1,6 milhão
GERAL
Contatos feitos via redes sociais são falsos
GERAL - Instituto Consulpam alerta sobre suposta contratação de equipe para trabalhar no concurso da Prefeitura
Atividades na rede municipal são oferecidas no período das férias
GERAL
Distribuição de fraldas em novo endereço
GERAL
Salário mínimo sobe para R$ 1.045
ECONOMIA - Reajuste decorre da inflação mais alta em 2019
Doces que empoderam mulheres e combatem o trabalho infantil
VARIEDADES
Banco de Móveis já contabiliza mais de duas mil doações
GERAL
Pedido de aposentadoria
GERAL - Passados seis meses de espera, segurado pode exigir agilidade na Justiça
Portas Abertas já realizou 11.064 atendimentos
SAÚDE
Saiba como retirar medicamentos na farmácia de Monte Alverne
SAÚDE
Iniciam as obras do posto de saúde sustentável
SAÚDE - Primeira unidade do Brasil começou a tomar forma na última terça-feira
Tarifa adicional de cheque especial não será cobrada
ECONOMIA
Saúde estuda redistribuição de incentivos estaduais para hospitais
SAÚDE
IPE Saúde amplia pagamentos assistenciais para 2020
SAÚDE
Vacina pentavalente já está disponível em Santa Cruz
SAÚDE
Porto Verão Alegre 2020 passa em Santa Cruz do Sul
VARIEDADES
The Wailers volta ao Rio Grande do Sul
VARIEDADES - Após quatro anos desde o último espetáculo, banda jamaicana retorna tocando os maiores sucessos

Alta no preço da carne resulta no aumento da Cesta Básica

ECONOMIA - 06/12/2019

Rosibel Fagundes

[email protected]

 Alimentos da cesta ficaram R$16,05% mais caros Alimentos da cesta ficaram R$16,05% mais caros Crédito: Agência Brasil

O conjunto de itens da Cesta Básica Nacional em Santa Cruz do Sul teve uma variação de 16,05%. Passou de R$ 354,66 para R$ 411,60, ou seja R$ 56,94. No comparativo com os doze meses do ano, a elevação  é 9,71%.O levantamento foi realizado pelo Centro de Estudos e Pesquisas Econômicas da Unisc, entre os dias 5 de novembro  a 4 de dezembro.O destaque é a elevação do preço da carne bovina de 11,46%, decorrente do crescimento das exportações. Outros dois produtos que contribuíram foram o Pão Francês (2,74%) e o Tomate (2,45%). Houve a diminuição nos preços da Banana ( –2,07%) e do Café Moído ( – 0,11%).


Com base nestes custos da Cesta Nacional, um trabalhador de Santa Cruz do Sul que recebe no início deste mês o Salário Mínimo, precisaria ter trabalhado 90,734 horas para adquirir o conjunto de 13 produtos.