Edição do dia 17/01/2020

EDIÇÕES ANTERIORES FOTOS VIDEOS FALE CONOSCO HISTÓRICO - Primeira Edição SANTA CRUZ EM NÚMEROS TELEFONE ÚTEIS

Últimas Notícias

Costuras e Reformas Suzana Ramos: ateliê comemora quatro anos
GERAL
Resultado financeiro da 35ª Oktoberfest supera R$ 1,6 milhão
GERAL
Contatos feitos via redes sociais são falsos
GERAL - Instituto Consulpam alerta sobre suposta contratação de equipe para trabalhar no concurso da Prefeitura
Atividades na rede municipal são oferecidas no período das férias
GERAL
Distribuição de fraldas em novo endereço
GERAL
Salário mínimo sobe para R$ 1.045
ECONOMIA - Reajuste decorre da inflação mais alta em 2019
Doces que empoderam mulheres e combatem o trabalho infantil
VARIEDADES
Banco de Móveis já contabiliza mais de duas mil doações
GERAL
Pedido de aposentadoria
GERAL - Passados seis meses de espera, segurado pode exigir agilidade na Justiça
Portas Abertas já realizou 11.064 atendimentos
SAÚDE
Saiba como retirar medicamentos na farmácia de Monte Alverne
SAÚDE
Iniciam as obras do posto de saúde sustentável
SAÚDE - Primeira unidade do Brasil começou a tomar forma na última terça-feira
Tarifa adicional de cheque especial não será cobrada
ECONOMIA
Saúde estuda redistribuição de incentivos estaduais para hospitais
SAÚDE
IPE Saúde amplia pagamentos assistenciais para 2020
SAÚDE
Vacina pentavalente já está disponível em Santa Cruz
SAÚDE
Porto Verão Alegre 2020 passa em Santa Cruz do Sul
VARIEDADES
The Wailers volta ao Rio Grande do Sul
VARIEDADES - Após quatro anos desde o último espetáculo, banda jamaicana retorna tocando os maiores sucessos

Secretaria de Cultura registra 172 entes e agentes culturais

Cadastro havia sido fechado em agosto, mas foi reaberto no mês passado

POLÍTICA - 06/12/2019

Grasiel Grasel
[email protected]

Secretário Edemilson vê o número de cadastrados como satisfatórioSecretário Edemilson vê o número de cadastrados como satisfatório Crédito: Arquivo/RV

A Secretaria de Cultura de Santa Cruz do Sul acaba de concluir um dos passos mais importantes do seu planejamento para o ano de 2020, é o que diz o secretário da pasta, Edemilson Severo. A segunda etapa de constituição do Cadastro Municipal de Entes e Agentes de Cultura (CMEAC) foi fechada na última sexta-feira, 29 de novembro, com um total de 172 inscrições.

Na primeira chamada para o cadastramento de artistas e entidades culturais, realizada em agosto, 148 pessoas haviam sido inscritas, no entanto, a pedido do Conselho Municipal de Cultura (CMC), uma nova janela de oportunidade foi aberta no mês passado. A solicitação veio devido ao número considerável de pessoas que disseram não conseguir realizar seu registro a tempo, levando à liberação do novo prazo pela Secretaria de Cultura.

Na oportunidade, 24 novos cadastros foram realizados, levando a um total de 133 pessoas físicas e 39 pessoas jurídicas registradas, 172 ao todo. Severo se diz satisfeito com o resultado e não considera baixo o número de inscrições desta segunda chamada, pois, para ele, o total já era suficientemente grande na primeira.

Segunda etapa dos cadastros foi realizada na biblioteca do SenacSegunda etapa dos cadastros foi realizada na biblioteca do Senac Crédito: Rolf Steinhaus

Questão de planejamento

A partir de agora, não apenas a secretaria, mas o município como um todo poderá planejar sua forma de atuação no meio cultural santa-cruzense. Com os dados obtidos, o secretário explica que será possível mapear os artistas locais e entender a forma que estão atuando, o que facilita a tomada de decisão por novas políticas públicas que impactem o setor e fomentem a cultura na cidade.

Da mesma forma, o cadastro é importante para os artistas e entidades culturais porque ele é pré-requisito para que eles possam apresentar projetos culturais solicitando o apoio do poder público municipal.  “Os cadastrados serão aqueles que vão apresentar os projetos para que a secretaria analise e porventura venham a ser incentivados no ano de 2020”, disse Edemilson, que também garante que todos poderão elaborar projetos culturais de acordo com sua manifestação cultural, seja ela um livro, escultura, pintura, música ou qualquer outra.

Um 2020 cultural

No ano que vem, a secretaria promete criar dispositivos para que os cadastrados possam realizar solicitações de financiamentos parciais ou outras formas de apoio por parte da Prefeitura, podendo ser através de editais ou da Lei de Patrocínios do Município quando se tratar de eventos. O cadastro tem validade de 12 meses e pode ser renovado online, mas novas inscrições só serão feitos presencialmente em futuras chamadas, pois exigem documentos de identificação.

Severo também garante que o chamado “Fórum da Cultura” deverá ser realizado ainda no primeiro semestre de 2020. O objetivo do evento será reunir os cadastrados para “tratar da construção de um caminho e apontar as necessidades do meio cultural no município, com ênfase ao incentivo de ações de artistas locais”, uma forma ampliar a participação dos entes e agentes culturais na tomada de decisões que os afetem.